Terça-feira, 20 de Abril de 2021
Reforço no atendimento

Atendimento na tenda de triagem do HPS 28 de Agosto será realizado por bombeiros

A medida da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) visa liberar os profissionais que estão atuando nas tendas para reforçar a assistência médica dentro da unidade.



ac_E1CA18A4-ED8A-4CA0-B6BB-15A01B2B1AAB.jpg Foto: Divulgação - SES - AM
05/01/2021 às 13:04

A partir desta terça-feira (05/01), o serviço na tenda de triagem do Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto passa a ser gerido por profissionais de saúde do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM).

Serão ao todo 37 profissionais da corporação, sendo sete médicos, 14 enfermeiros e 16 técnicos de enfermagem, que trabalharão em regime de plantão, das 7h às 22h, diariamente, executando a triagem dos pacientes que procuram atendimento com sintomas de Covid-19.



“A secretaria tem um Plano de Contingência da Covid-19 e, neste processo, estamos fortalecendo, hoje (05/01), especificamente a tenda do 28 de Agosto, que será uma tenda de segregação de pacientes, onde os bombeiros assumem o protagonismo na atenção da triagem dos pacientes”, explica o secretário executivo de Assistência da Capital da SES-AM, Jani Kenta.

Desde o início da pandemia, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) tem contado com o apoio dos profissionais de saúde do Corpo de Bombeiros, aprovados no concurso público de 2009. Os profissionais foram atuantes no Hospital de Combate à Covid-19, e atualmente prestam assistência na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) e no atendimento especializado ambulatorial da Policlínica Governador Gilberto Mestrinho, unidades pertencentes à rede estadual de saúde.

Ampliação – Com o aumento da demanda de hospitalizações pelo novo coronavírus (Covid-19) em Manaus, a rede estadual de saúde segue reorganizando a rede de assistência na capital amazonense.

Em dois meses, houve um acréscimo de 141% na oferta de leitos exclusivos para Covid-19 na rede estadual de saúde, saindo de 457 para os atuais 1.103 leitos. Na UTI, o aumento de leitos foi de 125% até a terça-feira (05/01), saindo de 120 no início do plano, em novembro, para os atuais 270.

 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.