Sexta-feira, 03 de Julho de 2020
saúde

Coração: o impacto do coronavírus nas doenças cardiovasculares

Problemas cardíacos são o principal fator de risco nas complicações para o novo coronavírus



vida0131-002f_B8729D2F-C3E1-4CA7-81EF-4F7DE71CF7D2.jpg Entenda os fatores que tornam a doença mais grave e como o corpo se comporta diante das ameaças do novo vírus (Foto: Divulgação)
31/05/2020 às 11:38

Em tempos de pandemia, o cuidado é o mesmo para todos. Porém, pacientes com doenças cardiovasculares prévias têm, por vezes, alterações em seu sistema imunológico além de um estado inflamatório crônico latente, o que pode agravar a evolução do novo coronavírus.

Doenças cardiovasculares lideram o ranking de mortes no Brasil e complicam casos de Covid-19. Segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, 346 mil óbitos são causados anualmente pelos problemas cardiovasculares (infarto, insuficiência cardíaca, etc.).



Alerta

De acordo com o cardiologista Silas Avelar, a doença cardiovascular, assim como o Covid-19, afeta o sistema do corpo humano como um todo. Por isso, esses pacientes estão mais suscetíveis a uma doença associada como o Covid-19. “Atualmente já se sabe que o endotélio, camada que reveste os vasos sanguíneos, desenvolve função importante para o bom desempenho de todos os mecanismos metabólicos. Por isso, quando tem uma doença cardiovascular, o endotélio fica todo prejudicado. Ou você tem a falta de produção de determinadas substâncias ou uma produção desregulada”, ressalta o cirurgião cardiovascular.


Perfil

O problema do patógeno é quando ele se junta a algumas condições preexistentes capazes de agravar a situação. O Ministério da Saúde chegou até a definir um perfil da vítima mais provável para a nova doença: homem e cardiopata com mais de 60 anos.

“Esse tem sido o quadro observado. No entanto, com o passar do tempo e observações, temos visto que mesmo pacientes mais jovens, abaixo dos 50 anos, sem tantas comorbidades aparentes, também podem ter uma evolução desfavorável. Mas ainda não se sabe muito sobre essa doença, pois estudos prospectivos e de comparação ainda estão em andamento”, afirma Silas Avelar.   

Ação e reação

E não é só quem já encarou um infarto ou possui uma doença cardíaca instalada que precisa se prevenir. As cardiopatias tem uma gama extensa de doenças, dentre elas, a presença da hipertensão, que afeta um em cada quatro brasileiros, também está ligada à maior gravidade da Covid-19.

“Em suma, o problema todo é quando você tem sequelas da doença cardiovascular, ou seja, quando já se tem um problema estrutural no coração, com algum grau de enfraquecimento ou um mau funcionamento do órgão. E o Covid-19, em determinada fase da doença, causa a miocardite, uma inflamação do miocárdio”, destaca Silas.

O cirurgião explica, ainda, que quando a doença está na fase inflamatória, na qual ocorre uma agressão forte ao pulmão, o paciente não consegue uma oxigenação adequada. “A falta de oxigênio causa a aceleração do coração, pois ele precisa bombear mais sangue para suprir essa insuficiência, mas se na mesma medida o coração é enfraquecido, chega pouco sangue no miocárdio. O coração depende muito do oxigênio para produção de energia”, detalha o médico.

Cuidados

Portanto, o especialista enfatiza que o órgão-alvo do Covid-19 é o pulmão, mas também pode desenvolver problemas relacionados ao sistema nervoso central, perda do olfato e paladar, miocardite, agressão ao intestino, pacientes mais idosos podem evoluir com complicação renal e quedas acentuadas da pressão arterial. Trata-se de uma doença sistêmica, a qual quando entra no organismo pode atingir diversos órgãos. 

Ainda de acordo com dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia: 25% dos brasileiros que moram em capitais afirmam ter pressão alta, que pode piorar a evolução de uma infecção por coronavírus. A taxa sobe para 60% entre pessoas acima dos 65 anos. Além disso, 37% das vítimas fatais de Covid-19 no Brasil tinham doenças do coração prévias. É o fator de risco mais comum, na frente de diabetes (29%) e problemas pulmonares (7%).

Cirurgião Cardiovascular Silas Avelar

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.