Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020
ALERTA MÁXIMO

Em 24 horas, Amazonas tem 209 casos e mais 19 mortes pelo novo coronavírus

Número de casos totais chega a 1484 , com uma taxa de letalidade de 6% - acima da média nacional; foi o pior período de 24 horas desde a chegada da doença no Amazonas



WhatsApp_Image_2020-04-14_at_14.18.31_E81FE2CD-E441-40CE-A6A5-1F54BAADF16B.jpeg
14/04/2020 às 14:21

O Amazonas teve seu pior período de 24 horas desde o registro do primeiro caso de coronavírus no Estado. No intervalo de um dia, foram 209 casos novos e 19 novas mortes. Com isso, já são 1484 casos registrados, com 90 óbitos. Outras 13 mortes estão sendo investigadas. 

Com os novos números, a taxa de letalidade da doença no Amazonas chegou a 6%, dado acima da média nacional, que até ontem era de 5,5%. Dos 1484 casos positivos confirmados, 1295 são em Manaus e outros 189 espalhados em 18 municípios do interior. A cidade líder em casos depois da capital é Manacapuru, que reúne 100 casos confirmados e três óbitos.  Além dos casos confirmados, há 590 exames aguardando resultado.



O número de pacientes internados no Amazonas também é alarmante. Entre os casos confirmados de coronavírus, são 149 internados, sendo 70 em Unidades de Terapia Intensiva - 31 em hospitais particulares e 39 em hospitais públicos. Dos 537 pacientes suspeitos que estão ocupando leitos de hospitais, há 417 em leitos clínicos e mais 120 em UTIs, sendo 70 da rede pública e 50 da rede privada. “Isso é uma situação muito preocupante, levando em conta que quase 100% da rede privada está ocupada”, alertou a diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Rosemary Costa Pinto.

Recorde negativo

Os dados de hoje chamam atenção se comparados com os dias de piores números registrados desde o início da incidência do coronavírus no Amazonas. Até então, o dia com maior número de casos havia sido dia 8 de abril. Com 168 novos registros. No último dia 12, foram 156 casos novos. Houve, até então, apenas mais três dias com mais de 100 casos novos: dias 5, 6 e 7, com 106, 115 e 104 registros, respectivamente.

Ao analisar o número de mortes em um dia, a comparação é ainda mais alarmante. Desde o primeiro caso, dia 13 de março, o Amazonas tinha tido apenas dois dias com 10 mortes por conta do novo coronavírus: dia 9 e dia 10 de abril, com 10 mortes cada. Somente hoje foram 19 novos registros fatais, quase a soma dos dois dias de maior incidência até então.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.