Sexta-feira, 14 de Maio de 2021
CENÁRIO

Em Manaus, filhos e netos 'lutam' para os pais e avós manterem isolamento

Com o ritmo acelerado da pandemia de Covid-19 em Manaus, dezenas de pessoas tentam, de todas as formas, conscientizar seus familiares a não saírem de casa ou mesmo a não receberem visitas



show_WhatsApp_Image_2020-04-16_at_12.17.06_C842DD8C-07C6-4F8B-88FE-1A300C121BE6.jpeg Foto: Arquivo AC
05/01/2021 às 17:19

Com o ritmo acelerado da pandemia de Covid-19 em Manaus, dezenas de pessoas tentam, de todas as formas, conscientizar seus familiares a não saírem de casa ou mesmo a não receberem visitas de entes da família na residência. A luta de filhos e netos é diária e o objetivo é evitar, ao máximo, que pais e avós se exponham de forma desnecessária ao novo coronavírus.

Para o publicitário, Breno Amorim Freire, 24, a preocupação é a avó, de 85 anos, que recebe visitas de familiares constantemente na própria casa, localizada no bairro Petrópolis, zona Sul. Os dois moram no mesmo bairro mas em casas separadas, e mesmo distante da avó, ele chama a atenção dela para que evite receber parentes nesse período de altas transmissões e contaminações pelo vírus.

“Estamos em Porto Velho, viemos passar dez dias aqui, então estamos tendo mais cuidados por estarmos 24 horas com ela. Mas em Manaus, moramos em casas diferentes e algumas pessoas vão à casa dela sem serem chamadas, como se nada estivesse acontecendo, sem preocupação de usar máscara”, comentou.



“Como voltamos na quinta-feira e a coisa, em Manaus, está muito mais séria, vamos tomar medidas para que ninguém vá lá, até porque dessa vez temos pessoas próximas com Covid-19, diferente da última onda. Vamos orientar ela e as pessoas que moram com ela, até por que minha tia está com o filho no hospital, então as restrições vão acontecer”, ressaltou ainda.

A professora Betyna Freitas, 28, mora com os pais que são idosos. O pai dela tem 64 anos e a mãe possui 74 anos idade, ambos fazem parte do grupo mais vulnerável e têm comorbidades como diabetes e hipertensão. À reportagem, ela conta que a luta é diária para evitar que o próprio pai saia de casa de maneira desnecessária.

“Eles respeitam o isolamento na medida do possível. O meu pai que é quem sai, às vezes, além de mim, para resolver alguma coisa do trabalho e é bastante esquecido. Já aconteceu de ele chegar a um estabelecimento sem a máscara e se dar conta somente no momento”, destacou.

“Eu fico alertando o tempo todo e conto com a ajuda da minha mãe. Quando ele sai de casa falamos inúmeras vezes sobre as recomendações de segurança. A outra dificuldade é controlar a visita dos filhos, embora raras, eu sempre alerto sobre o uso da máscara de proteção e distanciamento deles”.

Alerta

A médica pneumologista, Socorro Cardoso, alerta para que idosos evitem a exposição principalmente durante o período de altas contaminações. Segundo ela, os idosos são os mais são mais suscetíveis ao novo coronavírus.

“Os riscos são grandes, principalmente sabendo que o idoso tem maior probabilidade de agravamento ao contrair a Covid-19. Por tanto, visitas e saídas de casa deve ser terminantemente proibidas pelo o risco de contaminação pelos assintomáticos”, reforçou a médica especialista. “Se mantenham em casa, usem máscaras de proteção, evitam sobre qualquer hipótese aglomeração e façam a lavagem das mãos com sabão ou usem álcool em gel”.

News karol 2d8bdd38 ce99 4bb8 9b75 aaf1a868182f
Repórter de Cidades
Jornalista formada pela Uninorte. Apaixonada pela linguagem radiofônica, na qual teve suas primeiras experiências, foi no impresso que encarou o desafio da prática jornalística e o amor pela escrita.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.