Segunda-feira, 17 de Maio de 2021
Atendimento

Laudo de obesidade para vacinação pode ser obtido em farmácias

Para efeito de comprovação da comorbidade (IMC igual ou maior do que 40) para a vacinação contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde Manaus aceita o laudo assinado por qualquer profissional de saúde de nível superior que ateste essa condição



Vacina-Covid19-Vacinacao-Seringa-Agulha-Aplicacao-Coronavirus-112-scaled-1-868x644_057BB994-C747-4524-B701-DF811DC61187.jpg Foto: Divulgação
21/04/2021 às 17:46

Como forma de ajudar a aumentar o número de pessoas obesas imunizadas contra a Covid-19, que farmácias estão emitindo declaração de obesidade gratuitamente. Para efeito de comprovação da comorbidade (IMC igual ou maior do que 40) para a vacinação contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde Manaus aceita o laudo assinado por qualquer profissional de saúde de nível superior que ateste essa condição.

Com isso, a declaração também pode ser facilmente adquirida em uma farmácia, onde existem profissionais devidamente habilitados para o serviço, e emitida em todas as lojas com os serviços 'Farma Clinic', na rede Santo Remédio, e 'Cuidar Bem', na rede FarmaBem, encontrados nos sites e redes sociais das drogarias.



De acordo com o supervisor de serviços farmacêuticos das redes Santo Remédio e FarmaBem, do Grupo Tapajós, Eduardo Donini, o documento é emitido após a realização dos chamados exame de bioimpedância e avaliação antropométrica, com dados precisos sobre a composição corporal do paciente.

“A drogaria hoje é o ambiente de saúde mais próximo da população e possui profissional habilitado durante todo o seu funcionamento. Só na metade do mês de abril, já realizamos mais de 400 exames de bioimpedância, o que representa dez vezes mais a busca comum por esse teste".

A orientação, conforme Eduardo Donini, é que o paciente realize o exame logo após acordar, ou cerca de 2 horas após uma refeição. Quanto às restrições, ele orienta que se deve evitar fazer o exame após exercício físico vigoroso, banho ou ingestão de qualquer líquido em excesso, inclusive água.

O exame de bioimpedância com avaliação antropométrica custa R$ 24,99. Já a declaração de obesidade, assinada pelo farmacêutico, é gratuita. E nela constam resultados como índice de massa corporal (IMC), circunferência abdominal, quadril, idade corporal, dentre outras informações.

Principal comorbidade

A obesidade é uma das principais comorbidades identificadas em pessoas que desenvolvem formas graves da Covid-19 e evoluem para óbito conforme levantamento feito, em março, pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM).

O órgão registou, desde o início da pandemia até o mês passado, 729 óbitos por Covid-19 com fator de risco obesidade. Em relação a casos confirmados, foram registrados 1.473 casos de Covid-19 com fator de risco obesidade no Amazonas, desde o começo da pandemia do novo coronavírus. Desses, 935 ocorreram em 2020 e 538 em 2021 (até 10 de março).

A Semsa Manaus relembra que o Índice de Massa Corporal (IMC) é um parâmetro utilizado para classificar o indivíduo de acordo com seu peso e altura. Seu uso é disseminado principalmente entre profissionais que trabalham com o corpo, como médicos, fisioterapeutas e profissionais de Educação Física e ressalta que a Organização Mundial da Saúde (OMS) utiliza esse índice como indicador do nível de obesidade nos diferentes países.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.