Alerta de risco

Ômicron é identificada em 93% de testes positivos de covid-19 no Amazonas

Comunicado de risco emitido pela Fundação de Vigilância Em Saúde utilizou 589 amostras de genoma

Portal A Crítica
19/01/2022 às 23:34.
Atualizado em 08/03/2022 às 15:55

(Foto: Reprodução)

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas detectou a predominância da variante ômicron em 92% das 589 amostras de testes tipo genoma sequenciados pelo laboratório da fundação. Destes, 19 são residentes de outros estados, 504 de Manaus e 24 no interior do Amazonas.

As cidades com maior número de casos da variante ômicron são Itapiranga, Manacapuru e Parintins. O levantamento da notificação leva em conta o endereço cadastrado no cartão Sistema Único de saúde,  e que ainda encontra-se em investigação pelas respectivas vigilâncias municipais.

Os casos estão assim distribuídos, de acordo com município de residência: Apuí (01), Atalaia do Norte (01), Autazes (01), Beruri (02), Iranduba (01),  Itacoatiara (02), Itapiranga (05), Lábrea (01), Manacapuru (04), Manaus (504),  Nhamundá (01), Parintins (04), Urucará (01).

 

As amostras analisadas são de 31/12/2021 a até o dia oito de janeiro.

Hoje, o Amazonas registrou 7.505 novos casos de Covid-19, o maior da série histórica desde o início da pandemia. 

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por