Sábado, 06 de Junho de 2020
ANÚNCIO

UEA não descarta suspender atividades acadêmicas devido ao coronavírus

Possibilidade será reavaliada após acesso aos dados epidemiológicos e análise de especialistas em Doenças Infecciosas da instituição acadêmica



uea_68342B62-E407-4A76-8C53-2B2C9C1D849A.JPG Fotos: Reprodução/Internet
13/03/2020 às 22:51

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) não descarta a possibilidade de suspender as atividades acadêmicas ao longo da próxima semana devido à pandemia coronavírus. O anúncio foi divulgado na noite desta sexta-feira (13) pelo reitor da instituição, Cleinaldo Costa, por meio de nota.

Segundo o gestor, será reavaliada a possibilidade de suspensão das atividades acadêmicas ao longo da próxima semana de acordo com os dados epidemiológicos, trabalhando de forma científica.



A medida foi adotada após a confirmação hoje do primeiro caso de infecção pelo Covid-19 em Manaus. A Universidade Federal do Amazonas (Ufam) publicou na noite de hoje portaria anunciando a suspensão das aulas da instituição por 15 dias. Além disso, anunciou a criação de um comitê de combate ao coronavírus.

O reitor da UEA, Cleinaldo Costa, enfatiza que está em constante contato com o secretário de Estado da Saúde, Rodrigo Tobias, e manterá a comunidade atualizada.

Na próxima segunda-feira (16), a gestão superior da UEA estará reunida com os especialistas da Disciplina de Doenças Infecciosas e Parasitárias da ESA/UEA para análise do cenário epidemiológico e deliberação sobre as providências pertinentes.

"Em caso de mudança de cenário, devidamente avaliado pelos especialistas, comunicaremos de imediato à comunidade e tomaremos as providências que sejam porventura adequadas. Pedimos a todos que sigam as precauções  orientadas por nossas autoridades sanitárias", destacou o reitor.

News rafael seixas f19bfc74 2a6d 4824 91e0 ea63ab017774
Editor do Portal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.