Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2021
ALERTA

Variante do coronavírus detectada no Reino Unido está em 50 países, segundo OMS

'Se há altos níveis de transmissão, temos que pensar que mais variantes surgirão', disse a OMS. No Amazonas, linhagem até então desconhecida foi confirmada nesta terça-feira



000_8YE38P_764C4AA7-9003-4B10-A60F-EABD271201BA.jpg (Foto: AFP)
News thumb afp d084093c bf21 4ede 853c 0cfb6068260d AFP
13/01/2021 às 11:06

A mutação do coronavírus identificada no Reino Unido está presente em 50 países, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), e a variante localizada na África do Sul foi detectada em outros 20 territórios. 

A instituição também alertou que uma terceira "variante preocupante" encontrada no Japão pode ter um impacto na resposta imunológica e precisa ser mais investigada. 



"Quanto mais o vírus SARS-CoV-2 se espalha, mais chances ele tem de mudar. Se há altos níveis de transmissão, temos que pensar que mais variantes surgirão", disse a OMS. O comunicado foi feito um dia após a confirmação de que há uma nova variante do vírus circulando no Amazonas. 

Desde que foi informada à OMS em 14 de dezembro, a variante britânica VOC 202012/01 foi detectada em 50 países, territórios e áreas, disse.

A análise dos resultados mostra que a idade e o sexo das pessoas infectadas são semelhantes às das outras variantes. Os dados de rastreamento de contato também revelam "transmissibilidade mais alta".

A mutação detectada na África do Sul, chamada 501Y.V2, relatada em 18 de dezembro, agora é encontrada em 20 países, territórios e áreas, acrescentou a agência.

"Com base em pesquisas preliminares e em andamento na África do Sul, é possível que a variante 501Y.V2 seja mais transmissível do que as variantes que circulavam anteriormente na África do Sul", segundo o relatório semanal da OMS.

"Embora esta nova variante não pareça causar doenças mais graves, o rápido aumento no número de casos coloca o sistema de saúde sob pressão".

A disseminação de ambas as variantes está subestimada, alertou a OMS, devido à distorção de dados causada por países com capacidade de analisar o sequenciamento do vírus.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.