Publicidade
Cotidiano
Notícias

Adolescente flagrado por câmeras furtando academia afirma: 'quando sair, vou fazer pior'

'Ele arquitetou tudo sozinho e, apesar de ser menor de idade, já é bastante habilidoso', afirmou comandante da Polícia Militar; duas pessoas também foram presas por receptação 27/01/2016 às 19:51
Show 1
Receptadora e adolescente foram apresentados em coletiva nesta terça-feira (27)
Kamyla Gomes Manaus (AM)

“Não me arrependo e quando sair da cadeia vou fazer a mesma coisa e pior”, disse um adolescente de 17 anos, conhecido como ‘Loirinho’, que foi apreendido no início da noite da última terça-feira (26), por volta de 18h, enquanto lanchava no bairro Nossa Senhora das Graças, na Zona-Centro Sul de Manaus. O menor é apontado pela Polícia Civil como o autor de furtos a uma academia e uma imobiliária, na madrugada dos dias 23 e 25 deste mês. Ele foi apresentado à imprensa na tarde desta terça-feira (27).

A delegada titular do 22° Distrito Integrado de Polícia (DIP), Indra Celani Leal, contou que o adolescente está no mundo do crime desde os 12 anos e que tem uma extensa ficha criminal, com cerca de 20 boletins de ocorrências registrados pelos crimes de roubos a mão armada, furto e ameaça.

Policiais militares da 22° Companhia Interativa Comunitária (Cicom), chegaram até o menor por meio de denúncias anônimas, pois a PM e PC já estavam em busca dele desde o dia do crime. As instituições tinham as imagens de câmeras de segurança da academia. Conforme os policiais, o adolescente é conhecido pelo bairro por perambular pelas ruas e realizar serviços em poda em árvores.

De acordo com o comandante da 22° Cicom, Bruno Deyvison, ao ser identificado, confessou o crime e colaborou com a polícia levando a guarnição até outras pessoas que compraram seus objetos furtados, os quais ele trocava por drogas ou vendia por R$ 200 em espécie, tudo para se livrar o mais rápido possível do material.

“Ele arquitetou tudo sozinho e, apesar de ser menor de idade, já é bastante habilidoso”, disse.

Na ocasião, o  menor apontou que a lavadeira identificada como Leidiane Dantas Araújo, de 24 anos, comprou alguns dos seus objetos furtados. A polícia chegou até a residência da mulher, constatou o fato e encontrou também quatro munições e uma porção de entorpecente. O frentista Raphael Guimarães Canto, de 21 anos, também foi autuado por receptação.

Conforme a delegada, a Polícia Civil continuará as investigações para saber se o adolescente agia sozinho nos furtos, pois durante seu depoimento o menor alegou que também havia furtado um escritório de advocacia.

O adolescente foi encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde ficará a disposição da Justiça. Leidiane irá para o Centro de Detenção Provisório (CDP) Feminino e Raphael pagou uma fiança no valor de R$ 500 em espécie e irá responder pelo o crime de receptação em liberdade.

Publicidade
Publicidade