Publicidade
Cotidiano
Notícias

Amazonas registra recuo de 80,94% na criação de Empregos

Foram criados 8,61 mil empregos em 2012 contra saldo de 45,19 mil em 2011. A performance de 2012 superou apenas a que foi anotada em 2009 26/01/2013 às 10:32
Show 1
A performance de 2012 superou apenas a que foi anotada em 2009
Luana Gomes Manaus

O Amazonas finalizou 2012 com um saldo de 8,61 mil empregos celetistas criados. Em relação a igual período de 2011, quando o mesmo indicador representava a criação de 45,19 mil empregos, houve recuo de 80,94%, com base nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Os abalos sofridos na atividade econômica fizeram com que o Estado registrasse em 2012 o segundo menor quantitativo de empregos criados no Amazonas desde o início da pesquisa. Considerando a série ajustada, foram 223,83 mil admissões e 215,22 mil desligamentos no período, o que representou saldo de 8,61 mil empregos instituídos.

A performance do ano passado superou apenas a que foi anotada em 2009, quando a diferença entre admissões e demissões era de 7,04 mil empregos.

Indústria

Com a restrição de crédito e dificuldade de financiamentos, o setor industrial foi apontado como um dos mais prejudicados no ano de 2012. De acordo com o Caged, o saldo referente a esta atividade foi negativo no período, com o desligamento de 3,66 mil postos de trabalho. O balanço mostra que foram admitidos 56,04 mil trabalhadores nas fábricas amazonenses ao longo dos 12 meses do ano passado, mas em torno de 59,70 mil foram “mandados embora”.

(A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).

Publicidade
Publicidade