Publicidade
Cotidiano
ALCANCE

Amazonas seguirá vacinando contra a gripe apenas população dos grupos prioritários

Já foram aplicadas 84% do total de doses disponíveis, isto é, não haverá vacina suficiente para o resto da população 05/06/2017 às 11:53 - Atualizado em 05/06/2017 às 13:50
Show show vacina
Foto: Agência Brasil
acritica.com

O Estado do Amazonas seguirá vacinando contra a gripe apenas a população dos grupos prioritários definidos pelo próprio Ministério da Saúde, até o final do prazo, o dia 9 de junho. É o que foi divulgado na manhã desta segunda-feira (5) pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam). Segundo o órgão, já foram aplicadas 84% do total de doses disponibilizadas pelo Ministério da Saúde (MS) para Amazonas, isto é, não haverá vacina suficiente para abrir a vacinação para o resto da população.

O Amazonas recebeu do MS 1.116.700 doses da vacina, que foram distribuídas aos municípios para que os mesmos executassem a vacinação. “Para que nós pudéssemos abrir a vacinação para toda a população, seria necessário que o Ministério da Saúde enviasse uma remessa extra de doses da vacina para o Estado e até o momento não temos informação oficial de que isso será feito”, explica o diretor presidente da FVS, Bernardino Albuquerque.

A campanha tem como meta vacinar 90% da população pertencente aos grupos prioritários definidos pelo MS, que são idosos, crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos, trabalhadores da saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas, adolescentes e jovens cumprindo medidas sócio educativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, professores, gestantes e puérperas.

No Amazonas, até a manhã desta segunda-feira (05), 84% do público-alvo tinham sido vacinados, ou seja, 783.092 pessoas. No Estado, a meta é vacinar 90% de uma população-alvo de 931.265 pessoas.

Dos grupos vulneráveis às complicações da gripe, o das Puérperas atingiu a meta, com 10.002 doses aplicadas, o que significa uma cobertura de 108%. O grupo de Idosos também já alcançou a meta, com um total de 216.774 doses aplicadas e uma cobertura de 100%. No grupo de trabalhadores da saúde foram aplicadas 76.394 doses, com 97% do total de indivíduos vacinados. Nos outros grupos prioritários ainda há pessoas a serem vacinadas e elas continuarão sendo o público-alvo da campanha no Amazonas.

Bernardino Albuquerque esclareceu que nos municípios do interior do Estado as equipes de vacinadores precisam fazer longas viagens para vacinar a população residente nas comunidades rurais desses municípios e que as doses aplicadas nessas localidades são inseridas no sistema apenas quando a equipe retorna ao município. “O Estado possui uma logística diferente do restante do País e isso precisa ser levado em consideração. Vamos agir como sempre fizemos, com prudência, e se tivermos alguma mudança a população será devidamente informada”.

Vacina para todos na capital

Já o sistema de saúde gerido pela Prefeitura de Manaus vai disponibilizar para a população da capital 50 mil doses da vacina contra a gripe, a partir desta segunda (5) até dia 9, em 82 postos mantidos pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). Entretanto, na capital a campanha segue para imunização de grupos prioritários, em especial de crianças de 6 meses a 5 anos incompletos e de gestantes, grupos que ainda restam 2,09% do total de público alvo a receber as doses.

Publicidade
Publicidade