Sábado, 25 de Maio de 2019
HOMICÍDIO

Rapper em ascensão, Jimmy Wopo é morto em tiroteio nos EUA aos 21 anos

No mesmo dia em que XXXTentacion foi morto, outro nome exponente do rap americano foi assassinado. O caso aconteceu em Pittsburgh



asasasasas.jpg
19/06/2018 às 15:36

Com pouquíssimas horas de distância, outro rapper em ascensão da cena americana foi assassinado nos EUA. Jimmy Wopo, de 21 anos, morreu num tiroteio em Pittsburgh. Mais cedo, nesta segunda-feira, XXXTentacion também foi vítima de homcídio.

Travon Smart - seu verdadeidor nome - estava no distrito da cidade acompanhado de um amigo quando foi alvo de disparos de um homem ainda desconhecido. Um outro homem ficou ferido no tiroteio, de acordo com a polícia.

Ainda surfando nos primeiros sucessos que emplacaram, Wopo conquistou seu público com um estilo mais tradicional de rap, com beats mais regulares e o tradicional toque de ostentação. 

Ele, no passado, já havia levado dois tiros e se recuperado. Ainda quando não tinha fama.

Via página oficial do artista no facebook, seu empresário confirmou a morte de Jimmy.

"Eu perdi meu irmão hoje e este é o pior sentimento do mundo. ele estava destinado à grandeza e queria sempre o melhor para seus amigos, familiares, e sua comunidade".
 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.