Publicidade
Cotidiano
HOMICÍDIO

Rapper em ascensão, Jimmy Wopo é morto em tiroteio nos EUA aos 21 anos

No mesmo dia em que XXXTentacion foi morto, outro nome exponente do rap americano foi assassinado. O caso aconteceu em Pittsburgh 19/06/2018 às 15:36
Show asasasasas
acritica.com Pittsburgh

Com pouquíssimas horas de distância, outro rapper em ascensão da cena americana foi assassinado nos EUA. Jimmy Wopo, de 21 anos, morreu num tiroteio em Pittsburgh. Mais cedo, nesta segunda-feira, XXXTentacion também foi vítima de homcídio.

Travon Smart - seu verdadeidor nome - estava no distrito da cidade acompanhado de um amigo quando foi alvo de disparos de um homem ainda desconhecido. Um outro homem ficou ferido no tiroteio, de acordo com a polícia.

Ainda surfando nos primeiros sucessos que emplacaram, Wopo conquistou seu público com um estilo mais tradicional de rap, com beats mais regulares e o tradicional toque de ostentação. 

Ele, no passado, já havia levado dois tiros e se recuperado. Ainda quando não tinha fama.

Via página oficial do artista no facebook, seu empresário confirmou a morte de Jimmy.

"Eu perdi meu irmão hoje e este é o pior sentimento do mundo. ele estava destinado à grandeza e queria sempre o melhor para seus amigos, familiares, e sua comunidade".
 

Publicidade
Publicidade