Publicidade
Cotidiano
Notícias

Aplicativo de celular do Detran/AM recebe denúncias e irregularidades no trânsito

Para ter acesso, os usuários de internet podem baixar o aplicativo pelo Google Play ou pelo site www.detran.am.gov.br 20/08/2015 às 11:22
Show 1
Qualquer pessoa pode baixar o aplicativo e denunciar irregularidades que são investigadas tanto pelo Estado quanto pelo Município de Manaus
Nelson Brilhante ---

Nada de prejudicial, mas muito curioso! O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran/AM) criou um aplicativo, denominado “Detran na Mão” para receber denúncias de usuários, relacionadas a irregularidades no trânsito de Manaus. Depois de muita publicidade, o endereço eletrônico acabou beneficiando mais um órgão, só que do município: o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), que cuida do controle e de punições por ilegalidades de condutores de veículos, como estacionamentos em locais proibidos, dentre outros. As denúncias são apuradas, e depois de comprovadas são punidas.

Para ter acesso, os usuários de internet podem baixar o aplicativo pelo Google Play ou pelo site www.detran.am.gov.br.

“O importante é ajudar na diminuição de casos graves no trânsito da capital amazonense. Estado e Município têm que ser parceiros porque o objetivo é evitar atos inconsequentes que resultem em situações drásticas, como mortes que poderiam ser evitadas”, revela Feitosa.

Informação errada

O titular do órgão aproveitou para tranquilizar os usuários das redes sociais, quanto a uma suposta legislação específica sobre informações que circularam esta semana nas redes sociais, estabelecendo regras proibitivas de trânsito.

A nota cita atos punitivos, como multa por dirigir fumando, lâmpada de farol apagada ou ter o extintor de incêndio do carro encapado com plástico. “Não acreditem em tudo que vocês leem nas redes sociais. O melhor é ligar ou consultar o site do Detran-AM”, orienta Feitosa.

Por meio de nota, o Manaustrans informa que as demandas do Detran-AM são enviadas ao Centro de Controle Operacional do órgão (CCO) e, imediatamente, atendidas pelas equipes de agentes que estão nas ruas, fiscalizando. Geralmente são pedidos de fiscalização em casos de estacionamento proibido (sobre a calçada e na frente de garagem).

“As informações do Detran colaboram para ampliar a fiscalização do Manaustrans que já é feita diariamente em todas as zonas da cidade. Quem ganha com essa parceria é a população, para ter um trânsito mais seguro e com atendimento eficaz”, disse o diretor presidente do Manaustrans, Paulo Henrique Martins.

Parceria com os informantes

Usando o aplicativo, um informante mandou a data e o horário exatos onde estavam ocorrendo “pegas” de motocicletas na estrada do Turismo, próximo à Ponta Negra, facilitando a ação do Detran-AM na apreensão dos infratores. De acordo com a assessoria do órgão, carros que estavam no local também foram recolhidos ao parqueamento. De acordo com a legislação, mesmo que não estejam participando diretamente das corridas, os carros dos expectadores também são recolhidos por participação indireta. A multa aos praticantes de “pegas” é 10 vezes maior que as aplicadas aos infratores da Lei Seca (consumo de bebida alcoólica), chegando a aproximadamente R$ 2 mil, além de ficar um ano sem poder dirigir legalmente.

De acordo com a assessoria do Detran-AM, com a ajuda de denúncia feita pelo aplicativo, uma motocicleta, roubada por volta de meia-noite, foi encontrada às 3h da manhã, com a ajuda de Polícia Militar. O outro recurso utilizado pelo Detran-AM para denúncias é o WhatsApp 988025246.

Sem ciúmes

De acordo com o diretor presidente do Detran-AM, Leonel Feitosa, não existe ciúmes quanto às denúncias que são feitas pelo aplicativo “Tá na mão” que são aproveitadas pelo Manaustrans. “Não há nenhum problema nisso, apenas a possibilidade de conquistas na luta contra a imprudência ao volante”, afirma Feitosa.

Plantão

O Manaustrans faz questão de divulgar que também recebe informações da população sobre irregularidades no trânsito, por meio do Plantão do Trânsito, que atende no número 0800 092 1188 (ligação grátis durante 24 horas).

Em números

683.674 é o número de veículos de passeio e de trabalho, que circulavam, até ontem, em Manaus, segundo informações da assessoria do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans).

74 foi o número de motocicletas apreendidas na última operação executada pelo Detrn-AM, em Manaus. A maioria das apreensões foi por falta de documentação tanto dos veículos quanto dos condutores.

Publicidade
Publicidade