Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020
FORA

Após reportagem e pressão de patrocinadores, Santos e Robinho suspendem contrato

Condenado por estupro, o jogador havia assinado com o clube para disputar o Brasileirão, mas revelações de detalhes do processo em matéria jornalística deixaram a situação insustentável



robin_CFCAEA06-3B27-40F6-B9ED-E3EAA62C4A64.jpg
16/10/2020 às 18:21

O atacante Robinho, de 35 anos e com uma condenação em primeira instância por estupro na Itália, anunciou pelo Instagram a suspensão de seu contrato com o Santos.

O anúncio foi feito horas depois que uma reportagem do site GE, da Globo, revelou detalhes do processo na Itália, com transcrições de áudios interceptados de Robinho admitindo que "a mulher estava completamente bêbada" e que ela não teria como provar as acusações de estupro contra ele e mais quatro amigos.



"Tomei a decisão junto com o presidente pela suspensão do meu contrato nesse momento conturbado da minha vida. Meu objetivo sempre foi ajudar o Santos, e se de alguma forma eu estou atrapalhando é melhor que eu saia e foque nas minhas coisas pessoais", afirmou o jogador.

Após a matéria do GE, pelo menos cinco patrocinadores do Santos já haviam anunciado que iriam romper o contrato caso ele seguisse no clube. O contrato de Robinho iria até o final do Brasileirão, em fevereiro de 2021.

O clube publicou nota oficial afirmando que o Santos e Robinho, "em comum acordo, resolveram suspender a validade do contrato firmado no último dia 10 de outubro para que o jogador possa se concentrar exclusivamente na sua defesa no processo que corre na Itália".

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.