Publicidade
Cotidiano
MAIS MÉDICOS

Após sobra de vagas, Mais Médicos decide abrir inscrições para profissionais do exterior

As vagas foram abertas no programa que leva saúde a localidades afastadas do Brasil após a saída de médicos cubanos 07/12/2018 às 10:42 - Atualizado em 07/12/2018 às 14:32
Show show jair bolsonaro ed397ef3 2734 4d8d 840d 2fe611234b78
Foto: Agência Brasil
Aécio Amado (Agência Brasil) Brasília (DF)

O Ministério da Saúde decidiu abrir inscrições do programa Mais Médicos a profissionais brasileiros e estrangeiros formados no exterior sem registro no Brasil. A decisão ocorre após o não preenchimento de todas as vagas do programa, que leva saúde básica para localidades afastadas e periféricas do Brasil. Prazo terminaria hoje.

Os candidatos terão entre os dias 11 e 14 de dezembro para enviar documentação ao ministério e estarem aptos para validação da inscrição. Hoje (7), às 23h59, termina a inscrição de médicos com registro no Brasil.

De acordo com o ministério, são necessários 17 documentos para validar a inscrição, entre eles, o reconhecimento da instituição de ensino pela representação do país onde os profissionais obtiveram a formação.

Até ontem (6), o Mais Médicos havia registrado 35.716 inscrições, preenchendo 98,6% das 8.517 vagas disponibilizadas, ou seja, 8.402 profissionais alocados. Desse total, 3.949 médicos já se apresentaram aos municípios selecionados. Os profissionais têm até o dia 14 deste mês para apresentação nos municípios.

As vagas foram abertas no programa Mais Médicos após a saída de todos os profissionais cubanos que exerciam a função no Brasil. A saída dos cubanos se deu depois de o governo de Cuba romper acordo com o Brasil após a eleição de Jair Bolsonaro à Presidência da República.

Publicidade
Publicidade