Terça-feira, 20 de Abril de 2021
Caso Flávio

Arthur Neto é investigado por uso de carro oficial em crime

MPE vai apurar emprego de veículos oficiais e agentes públicos em benefício do Sr. Alejandro Molina Valeiko, enteado do prefeito



elizeu_myke_caso_flavio_1964EB5C-0182-4D55-A0A3-D81A73D4FCAD.jpg
14/09/2020 às 18:40

O promotor de Justiça Hilton Serra Viana determinou que o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, seja investigado por improbidade administrativa no âmbito do "Caso Flávio". O engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos foi morto em setembro do ano passado após uma festa na casa do enteado de Arthur, Alejandro Valeiko. A investigação policial apontou participação de servidor municipal no caso e uso de carro da prefeitura no crime.

Imagens das câmeras de segurança do condomínio onde morava Alejandro mostram o que a polícia diz ser o corpo da vítima sendo retirado do interior da casa e colocado em um carro da Prefeitura Municipal de Manaus. O veículo era dirigido pelo sargento da Polícia Militar Elizeu da Paz de Souza, que entrou no local sem ser anunciado porque fazia a segurança de Alejandro. Na época do crime, Paz estava à disposição da prefeitura lotado na Casa Militar. Ele, Alejandro e outras quatro pessoas foram denunciadas à Justiça.



Em portaria publicada no Diário Oficial do Ministério Público Estadual (MPE) com data da última sexta-feira, 11, o promotor da 78ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção do Patrimônio Público deu início a Procedimento Preparatório (n° 06.2020.00000779-0) para apurar supostos atos ilegais praticados pelo prefeito Arthur Neto e,  "eventualmente, por outros servidores da prefeitura a serem identificados".

Hilton Viana detalha que será investigado "emprego de veículos oficiais e agentes públicos em benefício do Sr. Alejandro Molina Valeiko, enteado do Prefeito". No ano passado, o MPE começou a apurar possíveis crimes de agentes públicos por meio de uma Notícia de Fato, cujo prazo se esgotou.

O promotor alega que ainda há "necessidade de realização de diligências essenciais para o deslinde dos fatos" e por isso instaurou o procedimento preparatório.

Entenda o trâmite

A Notícia de Fato é uma apuração preliminar de qualquer caso que chegue ao conhecimento do MP (porque alguém denunciou ou porque saiu uma matéria na imprensa). O procedimento preparatório é um "segundo passo" e antecede o inquérito civil, que pode dar origem à uma denúncia à Justiça e transformar o investigado em réu.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Caso Flávio



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.