Publicidade
Cotidiano
Notícias

Avaliação negativa do governo Dilma chega a 69% em setembro, mostra CNI/Ibope

Rejeição oscilou 1% para cima em relação ao índice registrado no final do mês de junho, quando a avaliação ruim/péssima do governo Dilma era 68% 30/09/2015 às 10:39
Show 1
Dilma enfrente quadro de recessão econômica e crise política no seu segundo governo
Leonardo Goy (Reuters) Brasília

A rejeição à presidente Dilma Rousseff oscilou no fim de setembro num quadro de recessão econômica e crise política, com a pesquisa CNI/Ibope mostrando nesta quarta-feira que a avaliação ruim/péssima do governo foi a 69%, ante 68% no fim de junho.

A pesquisa, contratada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), apontou ainda que 10% avaliam o governo como ótimo ou bom, ante 9% três meses antes.

A desaprovação da maneira de governar da presidente oscilou para baixo, passando a 82%, ante 83%.

Ainda segundo a pesquisa, 63% dos entrevistados acreditam que o restante do governo Dilma será ruim ou péssimo, enquanto em junho essa porcentagem era de 61%. O índice dos que acreditam que o restante do mandato será ótimo ou bom permaneceu em 11%.

Por área de atuação do governo, a política de juros do que governo é a que tem a menor aprovação, de apenas 6%. Em seguida, aparece a política de impostos, com 7% de aprovação, em um momento em que o governo tenta recriar a CPMF.

O levantamento foi realizado entre 18 e 21 de setembro, com 2.002 pessoas em 140 municípios. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

Publicidade
Publicidade