Sábado, 19 de Outubro de 2019
DEBATES

Bispos do AM são convocados pelo Vaticano para Sínodo da Amazônia

Encontro acontece de 6 a 27 de outubro no Vaticano, e vai debater diretrizes sobre a 'crise ambiental planetária'



18out2014---o-papa-francisco-conversa-com-prelados-ao-chegar-para-uma-sessao-do-sinodo-o-encontro-de-bispos-que-debate-a-abordagem-de-questoes-familiares-junto-a-comunidade-no-vaticano-1413625418334_615x300_6766233F-5130-4FC2-A233-1EAAED7AE2DB.jpg Foto: Divulgação
23/09/2019 às 09:35

Foi divulgada neste sábado (21), a lista dos participantes na Assembleia especial do Sínodo para a região Pan-amazônica, que se realizará no Vaticano entre os dias 6 e 27 de outubro de 2019. O encontro vai examinar questões importantes para “cada pessoa que habita neste planeta”. A listagem divulgada no site oficial de notícias do Vaticano apresenta 58 nomes de bispos de todo o Brasil. Entre eles, 11 são do Amazonas.

Durante o encontro, os bispos irão apresentar um documento denominado "Instrumentum Laboris", que reúne as principais propostas de interesse da comunidade.



Na semana passada o Papa Francisco concedeu uma entrevista ao jornal italiano La Stampa-Vatican Insider na qual tratou, entre outros, do tema do Sínodo sobre a Amazônia. Francisco afirmou que será uma resposta à emergência ambiental planetária, mas é um evento da Igreja e terá uma dimensão evangelizadora.

“O Sínodo é filho da Laudato si’, disse, acrescentando que, quem não leu essa Encíclica jamais entenderá o Sínodo sobre a Amazônia. Francisco disse ainda na entrevista que a Laudato si’ não é uma encíclica verde, mas uma encíclica social baseada no cuidado da Criação. A entrevista serviu também para explicar, a quem não sabe, que o Sínodo, “não é uma reunião de cientistas ou de políticos. Não é um parlamento. Nasce da Igreja e terá missão e dimensão evangelizadoras. Será um trabalho de comunhão conduzido pelo Espírito Santo”, disse.

Confira a lista dos participantes do AM no encontro:

Bispos

José Albuquerque de Araújo (Manaus);

Fernando Barbosa dos Santos (Tefé);

Edmilson Tadeu Canavarros dos Santos (Manaus);

Giuliano Frigeni (Parintins);

José Ionilton Lisboa de Oliveira (Itacoatiara);

Meinrad Franz Josef Merkel (Humaitá);

Zenildo Luiz Pereira da Silva (Borba);

Marian Marek Piątek (Coari);

Santiago Sánchez Sebastián (Lábrea);

Edson Tasquetto Damian (São Gabriel da Cachoeira);

Adolfo Zon Pereira (Alto Solimões).

Auditores

Roselei Bertoldo - Rede "Um Grito pela Vida";

Guilhermo Antonio Cardona Grisales - Centro de Direitos Humanos da Arquidiocese de Manaus;

Maria Carmelita de Lima Conceição - Inspetoria Laura Vicuña;

Zenildo Lima da Silva - Seminário São José;

Francisco Salvador Pontes Filho - Arquidiocese de Manaus.

Eleitos da União de Superiores Gerais

Celestino Ceretta - Pastoral da Ponta Negra;

José Amarildo Luciano da Silva - Redentoristas em Manaus.

Delegados Fraternos

Daniel dos Santos Lima - Comunidade Anglicana de Manaus.

*Com informações da Agência do Vaticano

Repórter

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.