Terça-feira, 23 de Abril de 2019
publicidade
carreira.JPG
publicidade
publicidade

CARREIRA

Programa de Bolsas de Estudos busca jovens empreendedores da América Latina e Caribe

Serão selecionados 250 jovens da América Latina e do Caribe para participar. Para se inscrever é necessário ter entre 21 e 35 anos


09/04/2017 às 14:20

O Programa de Bolsas de Estudos Profissionais da Iniciativa Jovens Líderes das Américas (YLAI), patrocinado pelo Departamento dos Estados Unidos, está em busca de jovens empreendedores brasileiros para participar de um treinamento de cinco semanas em empreendedorismo na Terra do Tio Sam.

Serão selecionados 250 jovens da América Latina e do Caribe para participar. Para se inscrever é necessário ter entre 21 e 35 anos e no mínimo de dois anos de experiência profissional ou empreendedora e inglês fluente. As inscrições podem ser feitas até dia 23 de abril no site www.ylai.state.gov/apply. 

O programa inclui um mês de intercâmbio profissional em uma cidade americana, onde trabalharão em uma empresa que atue em seu mesmo segmento, a fim de trocar experiências e aprender novas técnicas, mais um simpósio em Washington D.C. que terão contato com funcionários do alto escalão do Governo e líderes de grandes empresas públicas e privadas, além de organizações sem fins lucrativos.

A participante da edição de 2016, a empresária e proprietária da Fora da Caixa - Gestão para Excelência, Michelle Guimarães, foi a única escolhida na região Norte entre 20 brasileiros e agora como embaixadora e divulgadora do programa ressalta a importância de mais jovens amazonenses participarem.

“Eu quero que mais pessoas da nossa região sejam integrantes da YLAI, pois foi um divisor de águas na minha carreira e quero que outras pessoas tenham a mesma oportunidade.  O programa vai expandir suas redes de networking e atração de investimentos, visando aumentar ou viabilizar seus negócios”,  explica.

Para Michelle, sua participação lhe colocou em um patamar profissional mais elevado e trouxe diversos benefícios à sua empresa, teve também a oportunidade de trabalhar em uma empresa americana e que fez benchmarking de vários processos. “Depois que eu participei do programa as oportunidades aumentaram. Para mim e para a empresa foi muito importante, pois na minha opinião os Estados Unidos está em primeiro lugar em fomento em empreendedorismo, o governo é empenhado nos negócios e o que eu aprendi lá eu aplico na minha empresa e digo que ainda não tem aqui no Brasil”, revela.

publicidade
publicidade
Câmara Municipal deve criar comissão para defender Zona Franca de Manaus
Prefeitura começa a demolir imóveis para obras na avenida Constantino Nery
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.