Publicidade
Cotidiano
MUDANÇAS

Bolsonaro deve fundir pasta de Esporte às de Educação e Cultura, dizem jornais

Conforme adiantou no primeiro turno, Bolsonaro planeja reduzir para 15 o número de ministérios 31/10/2018 às 18:16
Show bolsonaro 881bfb8f 000a 40aa a7d2 4b74b7b4f193
Foto: Divulgação
Redação Manaus (AM)

O plano do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) de reduzir o número de ministérios deve trazer mudanças para a Educação, Esportes e Cultura. Segundo informações divulgadas pelos jornais “O Globo” e “Folha de São Paulo” nesta quarta-feira (31), os setores devem deixar de ter uma pasta exclusiva no novo governo para serem fundidos em um só ministério.

Conforme adiantou no primeiro turno, Bolsonaro planeja reduzir para 15 o número de ministérios. Deve haver fusões e mudanças de gestão em outras áreas. 

O atual ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, divulgou uma nota hoje, no qual iguala proposta do presidente eleito Jair Bolsonaro em relação ao Ministério da Cultura com modelo adotado na Guiné-Bissau.

No texto, Leitão defende que transformar o Ministério da Cultura em uma secretaria do Ministério da Educação, em conjunto com o Esporte, “tem um paradigma que não me parece adequado: Guiné-Bissau”, afirmou.

A unificação do Ministério do Meio Ambiente e Agricultura está bem próxima de ser confirmada. Já Ciência e Tecnologia tendem a gerir o Ensino Superior, além de Economia reunir também Planejamento e Indústria, Fazenda e Comércio Exterior.

Publicidade
Publicidade