Sexta-feira, 24 de Janeiro de 2020
SEM FRITAR HAMBÚRGUER

Bolsonaro recua e não indica o filho para embaixada em Washington

Eduardo Bolsonaro havia sido cogitado pelo presidente para assumir embaixada nos EUA. Novo nome indicado pelo presidente é do economista Nestor Forster, que será sabatinado pelo Senado Federal



20190318221124676777i_5920B635-1A20-41B3-A0FD-DF9DE63D647F.jpg Foto: Reprodução / Internet
26/11/2019 às 11:10

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou hoje (26) ao Senado Federal a indicação do diplomata Nestor Forster para a embaixada do Brasil em Washington, nos Estados Unidos. O embaixador, que já atua na unidade diplomática como encarregado de negócios, será sabatinado na Comissão de Relações Exteriores do Senado. Depois do colegiado, será a vez do plenário da Casa decidir se aprova a escolha de Bolsonaro.

O nome de Forster surgiu depois que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, desistiu de pleitear o cargo de embaixador na capital dos Estados Unidos. No mês passado, o presidente Bolsonaro antecipou que o diplomata era "um bom nome" para a embaixada.



Forster tem 56 anos, nasceu em Porto Alegre (RS) e tem licenciatura em História e em Letras Clássicas e Vernáculas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Ele ingressou na carreira diplomática em 1985 e, em junho desse ano, foi promovido a ministro de Primeira Classe.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.