Publicidade
Cotidiano
Notícias

Bosco Saraiva destaca os avanços de sua gestão na CMM

'Deixei a presidência da Câmara com a certeza absoluta de que avançamos muito', disse o agora deputado estadual PSDBista 03/01/2015 às 18:31
Show 1
Bosco Saraiva foi presidente da CMM por dois anos e agora assumirá a cadeira da Aleam
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Após dois anos no comando da Câmara Municipal de Manaus (CMM), e prestes a assumir o mandato de deputado na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE/AM), Bosco Saraiva (PSDB) afirma que deixou a Casa para o novo presidente, vereador Wilker Barreto (PHS), com avanços tanto em sua estrutura física quanto na transparência dos atos administrativos e políticos — uma das principais marcas de sua gestão.

“Deixei a presidência da Câmara com a certeza absoluta de que avançamos muito. Conseguimos, em harmonia com os parlamentares e funcionários, atingir nossa missão, que, para nós,  é uma obrigação, principalmente, devido ao momento histórico que se viveu no País e na CMM. Conseguimos navegar em águas brandas e agora o vereador Wilker Barreto poderá navegar com tranquilidade”, frisou Bosco Saraiva.

Entre os avanços de sua gestão, Bosco destacou as mudanças na infraestrutura da Casa Legislativa, como a criação de salas e espaços ambientes no sentido de proporcionar melhor desempenho das atividades e conforto aos servidores e visitantes do órgão, além dos investimentos na implantação de equipamentos tecnológicos que dão maior suporte na transparência dos atos administrativos e políticos da Câmara. “É importante a infraestrutura geral de uma Casa Legislativa, e nós cuidamos desde a memória, que é fundamental”, confirmou Saraiva.

O parlamentar mencionou, ainda, a criação da sala de conforto, da sala de reunião dos vereadores com capacidade para 50 pessoas, da nova sala de comissões, da sala de cinema Silvino Santos e o espaço Memorial. “Nesse aspecto de infraestrutura estamos satisfeito”, enfatizou Bosco. Outro compromisso realizado pelo gestor foi a aquisição do refeitório, construído pela empresa ganhadora da licitação, sem nenhum custo financeiro para a Casa. “A implantação do refeitório era um sonho antigo dos servidores”, complementou o vereador.

Avanços tecnológicos

Ao receber a missão de presidente, Bosco Saraiva disse ter visto a necessidade de modernizar e digitalizar a Casa. “O que se tinha eram máquinas antigas, sem possibilidade de desempenhar um bom trabalho aos servidores.  Conseguimos equipamentos modernos e implantar na Câmara uma nova tecnologia, principalmente a inserção de tablets no plenário, retirando os papéis com projetos e programas distribuídos aos vereadores”. 

“Hoje, os vereadores têm acesso em rede a todos os projetos, pautas e documentos, todos programados com a melhor tecnologia”, ressaltou o parlamentar, ao acrescentar que a Casa deu um grande passo nesse sentido. “Isso nos proporcionou avançar na transparência da Casa, com relação ao novo portal. Os setores têm os equipamentos adequados para enviar ao portal permanentemente as todas as informações da CMM”, completou Bosco Saraiva.

Preparação

Para o parlamentar, a permanente reciclagem e preparação dos servidores e evolução dos princípios administrativos precisam ser efetivados, a medida em que novos conceitos de administração avançam. “Investimos dentro do possível em cursos de graduação, em convênios com a UFAM e UEA, na formação dos funcionários efetivos e comissionados, para que possam desenvolver melhor suas atividades”, disse Bosco, que parabenizou os avanços da Escola do Legislativo. “Foi também um marco nesta administração”, disse.

Democracia

Outro ponto que ele destaca em sua gestão foi a oportunidade igualitária nas discussões, proporcionando espaço democrático, da maioria, da minoria, dos dependentes – “todos privilegiados no voo da democracia para os debates, sem qualquer atrito físico", destacou ele, ao lembrar que, durante a sua gestão, nenhuma reunião ordinária foi cancelada por qualquer motivo que fosse. “Isso é um marco. Pela primeira vez em um biênio nenhuma reunião ordinária foi cancelada, isso incluindo os períodos das eleições”, observou. 

“A sociedade conseguiu ver um parlamento diferente, pois daqui deste parlamento saíram eleitos para parlamento estadual e suplente de senador. Isso reflete na aprovação do que vínhamos fazendo, desde o primeiro dia que eliminamos o ‘Auxílio Paletó’. A transparência é uma dádiva, e quando as pessoas sabem tudo o acontece dentro de uma Casa Legislativa, a rua fala como deve ser o parlamento. A busca da transparência deve ser maior”, afirmou Saraiva.

Novo biênio

Bosco Saraiva espera continuidade às conquistas. “Espero que o novo presidente consiga efetivamente implantar a TV Câmara em sinal digital aberto para a população, que consiga fazer a implantação do sistema de energia solar no prédio da CMM, a conclusão do Sistema de Gestão de Qualidade da ISO 9001, e que isso traga, no bojo, a Justiça para os servidores efetivos e comissionados, porque quando isso ocorrer somente a cidade vai ganhar”, concluiu Bosco Saraiva.

Publicidade
Publicidade