Publicidade
Cotidiano
Homenagem

Cármen Lúcia é uma das homenageadas no Troféu Raça Negra

O reconhecimento é dado pela atuação de uma pessoa de destaque da comunidade negra nacional ou internacional 22/11/2016 às 09:18
Show 1036962 11.08.2016 jc stf 3470
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia
Camila Boehm – Agência Brasil

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, foi uma das 18 personalidades premiadas com o Troféu Raça Negra 2016 na noite desta segunda-feira (21). O reconhecimento é dado pela atuação de uma pessoa de destaque da comunidade negra nacional ou internacional.

O Troféu Raça Negra, organizado pela organização não governamental (ONG) Afrobras, em parceria com a Faculdade Zumbi dos Palmares, homenageia anualmente as personalidades que contribuíram para a construção de uma sociedade plural, combatendo ao preconceito, a intolerância e a discriminação.

A juíza disse que cumprirá seu papel da melhor maneira que pode. “Os senhores podem dormir sossegados, os erros que eu cometer não serão por falta de compromisso com os senhores e com o Brasil, serão os meus limites humanos. Porque eu fiz um compromisso com o Brasil, nos termos da Constituição, que é meu dever, é para isso que me foi entregue, é para isso que os senhores me pagam o salário”, disse.

Além de Cármen Lúcia, foram premiados a cantora Elza Soares; o cantor Arlindo Cruz; o escritor e membro da Academia Brasileira de Letras, Arnaldo Niskier, o presidente da Federação Paulista de Futebol, Walter Feldman; Rodney Williams, vice-presidente da Microsoft Brasil; David Uip, Secretário da Saúde do Estado de São Paulo; Rafaela Silva, judoca ganhadora da medalha de ouro na Olimpíada Rio 2016; Sheila Cristina Nogueira da Silva, mãe de Carlos Eduardo (19 anos), morto por uma bala perdida no Rio de Janeiro; entre outros.

Publicidade
Publicidade