Sábado, 31 de Outubro de 2020
Notícias

Cerveró deixa prisão para passar festas de fim de ano em casa

Preso na Lava Jato acusado de receber propina de contratos da Petrobras com empreiteiras, o ex-diretor da estatal recebeu o benefício garantido com a delação premiada



1.jpg Cerveró deverá retornar à carceragem da Polícia Federal em Curitiba no dia 2 de janeiro
23/12/2015 às 11:42

O ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró deixou hoje (23) a carceragem da Polícia Federal em Curitiba para passar as festas de fim de ano em casa. Cerveró saiu por volta das 11h30 e deverá retornar à prisão no dia 2 de janeiro.

O benefício consta no acordo de delação premiada assinado pelo ex-diretor com a força-tarefa do Ministério Público Federal, responsável pelas investigações da Operação Lava Jato. Cerveró é acusado de receber propina de contratos da estatal com empreiteiras.



O benefício foi autorizado porque o ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, homologou na semana passada novos depoimentos da delação premiada de Cerveró. O acordo, firmado com a Procuradoria-Geral da República, prevê alguns benefícios, entre eles, a saída para passar o período do Natal e do Ano Novo em casa.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.