Domingo, 15 de Setembro de 2019
QUEIMADAS

Chefe da ONU diz estar 'profundamente preocupado' com incêndios na Amazônia

Secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Antonio Guterres, se manifestou sobre queimadas nesta quinta-feira (22)



onu_30FFAABC-BC02-4EBA-811C-BC048CE7BC17.jpg Foto:Reprodução/Internet
News thumb afp d084093c bf21 4ede 853c 0cfb6068260d AFP
22/08/2019 às 15:35

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Antonio Guterres, disse nesta quinta-feira (22) que está "profundamente preocupado" com os incêndios que devastam áreas importantes da floresta amazônica no Brasil e que cidades brasileiras e peruanas foram cobertas por fumaça. 

"Estou profundamente preocupado com os incêndios na floresta amazônica. No meio da crise climática global, não podemos permitir mais danos a uma fonte importante de oxigênio e biodiversidade", disse ele no Twitter. 

"A Amazônia deve ser protegida", enfatizou.

Queimadas

Dados do Sistema Deter, do Inpe, que emite alertas diários de áreas desmatadas para ajudar na fiscalização, indicam que o desmatamento na Amazônia cresceu 50% em 2019. Julho foi o pior mês da série histórica, com 2.254 quilômetros quadrados (km²) de alertas – alta de 278% em relação a julho do ano passado. De agosto de 2018 a julho de 2019, o Deter apontou 6.833 km² desmatados, contra 4.572 km² no ano passado (agosto de 2017 a julho de 2018). A taxa oficial da destruição será dada no fim do ano pelo sistema Prodes, também do Inpe.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.