Publicidade
Cotidiano
Saúde bucal

Cirurgiões-dentistas finalizam capacitação em atendimento à pessoa com deficiência

Vinte e cinco cirurgiões-dentistas de Unidades Básicas de Saúde de Manaus receberam o certificado concedido pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) 10/05/2017 às 13:41
Show naope
A cerimônia aconteceu na sede da Reitoria da UEA, localizada na avenida Djalma Batista, bairro Flores, Zona Centro-Sul (Foto: Márcio Silva)
Silane Souza Manaus (AM)

Vinte e cinco cirurgiões-dentistas de Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Manaus receberam, nesta quarta-feira (10), certificados de Capacitação em Atendimento Odontológico à Pessoa com Deficiência. Eles foram entregues pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). A cerimônia aconteceu na sede da Reitoria da UEA, localizada na avenida Djalma Batista, bairro Flores, Zona Centro-Sul.

A capacitação em Atendimento Odontológico à Pessoa com Deficiência, cooperação técnica entre UEA e Semsa, é realizada uma vez por ano com o objetivo de capacitar profissionais da rede de atenção básica da Semsa com aulas práticas no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) do Núcleo de Atendimento a Pacientes Especiais (Naope) da UEA.

De acordo a gerente do Naope, Brigitte  Nichthauser, a gama de pacientes especiais incluídos na odontologia é maior do que se imagina. “O Amazonas tem aproximadamente 23% da população que declara ter algum tipo de deficiência, só que, na odontologia, essa porcentagem é maior por causa da inclusão de pacientes com problemas renais, diabéticos, hipertensos, gestantes, entre outros, ou seja, o número de pessoas que precisam de atendimento diferenciado é muito grande”, observou.

Esses pacientes, conforme ela, exigem cuidados mais delicados e precisos, até mesmo pelas próprias condições físicas que muitos deles tem. Além disso, a quantidade de medicamentos que eles tomam também exige que o tratamento odontológico seja completamente diferenciado. “Eles são mais propensos  a certas doenças, como pneumonia, doenças respiratórias, entre outras, então todo cuidado, inclusive com infraestrutura, é diferente para atender um paciente com deficiência”, apontou.

A gerente de Saúde Bucal da Semsa. Nara Valente, disse que estes são os primeiros cirurgiões-dentistas capacitados em atendimento odontológico à pessoa com deficiência para atuar nas UBSs do município. Antes, o serviço só era oferecido nos Centros de Especialidades Odontológicas da secretaria. “Nosso objetivo é capacitarmos mais profissionais para que possamos ampliar o acesso da pessoa com deficiência não só nos CEOs, mas nas nossas UBSs também”, destacou.

Os profissionais capacitados pelo Naope desenvolverão trabalho nas UBSs de todas as zonas da cidade, incluído a rural. “Essa parceria entre a Semsa e a UEA tem sido para nós profissionais da área de saúde na odontologia um grande avanço na atenção e saúde bucal porque conseguimos ampliar o acesso dos usuários a um atendimento de qualidade, pois hoje, 50% dos pacientes especiais ainda não recebem atendimento adequado nas unidades de saúde”, relatou Nara.

CEO da UEA

O Centro de Especialidades Odontológicas da Universidade do Estado do Amazonas foi inaugurado em 2014, por meio de parceria entre a UEA, Ministério da Saúde, Secretaria de Estado de Saúde (Susam) e o consulado japonês, que investiu mais de US$ 100 mil para equipar o centro, cuja estrutura foi totalmente reformada e adaptada para os atendimentos a que se destina.

No local, são oferecidos serviços odontológicos nas áreas de cirurgia e traumatologia buco maxilofacial, pacientes portadores de necessidades especiais, periodontia e endodontia. Por mês é feito em média três mil atendimentos.

Publicidade
Publicidade