Segunda-feira, 19 de Abril de 2021
DECISÃO

Coari deve pagar R$ 14 milhões para regularizar bairro, decide juiz

Município queria desapropriação por R$ 531 mil, valor vinte sete vezes menor que o estipulado no laudo técnico. Área com 878 mil metros quadrados possui cerca de 6 mil moradores



u8u8_AB5E0D9F-5AF1-491C-A4FA-4FF41CB98AFD.JPG Foto: Reprodução/Internet
01/03/2021 às 16:25

Decisão da 1ª Vara da Comarca de Coari, proferida no último dia 27 de fevereiro, julgou parcialmente procedente Ação de Desapropriação por Interesse Social proposta pelo Município de Coari, definindo como valor de indenização o montante de R$ 14.410.860,00, apresentado em laudo pericial, no processo n.º 0000443-16.2017.8.04.3801.

A sentença foi proferida pelo juiz Fábio Lopes Alfaia, segundo o qual o problema se arrasta há mais de 20 anos, com insegurança jurídica para as pessoas que moram no local, um aglomerado urbano no bairro Ciganópolis, com 624 famílias e população aproximada de 6 mil pessoas.



De acordo com o processo, a Prefeitura fez a desapropriação da área com 878.711 metros quadrados, com interesse social, para declarar a regularização fundiária dos residentes. O ente público ofereceu indenização de R$ 531.336,45, valor contestado pela parte requerida, que pediu indenização de R$ 13.959.000,00.

Durante a fase de instrução, foi apresentado laudo pericial, concluindo que o valor do imóvel para fins de indenização seria de R$ 14.410.860,00.

“O valor oferecido pelo ente público requerente não se confirmou no curso da fase instrutória, devendo prevalecer o valor indicado pelo perito regularmente nomeado por este Juízo, cujas razões técnicas encontram-se desde logo adotadas por este Juízo aos fundamentos desta sentença, tendo sido a prova pericial submetida ao devido contraditório e seguindo-se o procedimento específico, sendo de rigor a condenação do ente público demandante ao pagamento do valor de R$ 14.410.860,00”, afirma o juiz na sentença, que acolheu parcialmente o pedido do requerente, mas estabelecendo a “devida e justa indenização à parte expropriada”.

*Com informações da assessoria

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.