Segunda-feira, 25 de Maio de 2020
JUSTIÇA PRESENTE

Com problemas de saúde, homem é atendido em casa por juiz no Amazonas

Juiz Pedro Ésio Correia de Oliveira atendeu pedido da Defensoria para ir até a casa de um homem em coma no município de Apuí



Apu_3_5DE0E4FF-4F34-4E35-AE33-979D17F32DF8.jpeg Foto: Divulgação/TJAM
08/02/2020 às 09:59

Para assegurar a celeridade de uma Ação de Curatela que tramita na Comarca de Apuí, distante 1.097 quilômetros de Manaus, o juiz Pedro Ésio Correia de Oliveira, titular da Vara Única da comarca, acompanhado do promotor de Justiça Gabriel Salvino Chagas do Nascimento e da defensora pública Stéfanie Barbosa Sobral, realizou na última semana uma audiência na casa de um homem impossibilitado, por problemas de saúde, de comparecer ao fórum da cidade.

Curatela é um tipo de proteção jurídica que pode ser pedida em processo judicial, quando uma pessoa é nomeada para cuidar do curatelado e ajudá-lo nas decisões que envolvem sua vida. Pode ser requerida, por exemplo, quando a pessoa com doença grave esteja incapacitadas para atos da vida civil.



Esse é o caso da ação do homem que tramita na Vara Única de Apuí, que se encontra em coma após sofrer um acidente, em maio do ano passado, quando foi atingido por um disparo de arma de fogo. Desde então, ele está sob os cuidados de uma filha, que figura como parte requerente da ação.

O juiz Pedro Ésio destaca que a interdição de uma pessoa e a respectiva nomeação de um curador exige uma série de averiguações para embasar a decisão final. "A nossa ida à residência deste senhor, que teria, segundo relato nos autos, sofrido acidente que o deixou em coma, teve a finalidade de verificar a condição de saúde em que este se encontra e reunir mais elementos para a posterior decisão. A Ação de Curatela foi ajuizada pela Defensoria Pública e receberá também o parecer do Ministério Público, cujos representantes também acompanharam a visita", afirmou o magistrado.

 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

25 Mai
ARQUIVO_AG_NCIA_BRASIL_8E54B548-1F0D-43FC-B519-959FF459E3B2.jpg

MEC suspende pagamento de parcelas do Fies

25/05/2020 às 13:17

O estudante que tiver interesse em suspender as parcelas deverá se manifestar junto ao banco até 31 de dezembro. A suspensão vale para os contratos que estavam em dia antes da decretação do estado de calamidade pública, reconhecido em 20 de março, e será retroativa às parcelas que não foram pagas desde então


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.