Sábado, 24 de Agosto de 2019
Notícias

Combate a crimes eleitorais pela PF tem até ‘Bin Laden’ sendo preso por fazer boca de urna

Polícia Federal combate crimes eleitorais em Manaus e no interior; outros casos incluem apreensão de aeronave com arma, carro cheio de santinhos e distribuição de rancho e passagens de barco



1.jpg ‘Osama Bin Laden’ é filiado ao Partido Trabalhista Nacional (PTN), que apoia neste ano o candidato à presidência Levy Fidelix

Em meio à grande mobilização popular provocada pelas eleições, a Polícia Federal vive um fim de semana atribulado no Estado, investigando e punindo crimes eleitorais. Os casos acontecem em Manaus e no interior, e vão de contravenções mais sérias a falcatruas cometidas por personagens pitorescos.

Caso de “Osama Bin Laden”, nome eleitoral do candidato a deputado estadual Manuel Nunes de Assis, de 46 anos, filiado ao Partido Trabalhista Nacional (PTN). Ele foi preso no início da tarde deste domingo (5) fazendo boca de urna na escola Professor José Bernardino Lindoso, conhecida como “Quarentão”, na Cidade Nova, bairro da Zona Norte de Manaus.

Boca de urna é como é conhecida a tentativa de influenciar o voto do eleitor no momento do pleito. Ao ser detido pela Polícia Federal (PF), ele alegou que estava apenas vendendo água aos passantes. A PF anunciou uma coletiva para falar sobre o caso.

Outra postulante à Assembleia Legislativa, Pastora Luciana (PP), foi detida pelo mesmo crime no Colégio Osmar Pedrosa, próximo à Bola do 23, também na Cidade Nova.

Pela manhã, outras cinco pessoas já tinham sido detidas, desta vez pela Polícia Militar. Eles distribuíam vários santinhos do candidato pela rua em uma Fiorino quando foram abordados por policiais militares da 22ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que estão dando suporte para as ações de fiscalização eleitoral

 
Pastora Luciana no momento da detenção (Bruno Kelly)

No interior

Na manhã de hoje, em Tabatinga, município a 1.108 km da capital, um veículo Fiat branco, modelo e placa não-divulgados, foi apreendido pela PF carregado de santinhos e uma quantia “razoável” em dinheiro, na definição da corporação. Duas pessoas foram detidas por envolvimento com o caso, mas não tiveram os nomes divulgados.

Já pela madrugada, os federais receberam uma denúncia de abastecimento irregular de combustível por motociclistas. Vários deles foram flagrados num posto em frente ao 1º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS), no São Jorge, Zona Oeste de Manaus, utilizando requisições em nome de um candidato, que não divulgado pela PF. Oito pessoas foram ouvidas e depois liberadas no episódio. Também foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

A PF divulgou, ainda, a apreensão de uma pessoa com cerca de 43 mil reais, no município de Autazes (113 km da capital), mas o caso ainda está sendo investigado e não há maiores informações.

Sábado

No início da noite de sábado (4), uma pequena aeronave com cerca de R$ 6 mil em notas e uma espingarda calibre .28 foi apreendida pelos policiais no Terminal de Passageiros 2 do Aeroporto Eduardo Gomes, conhecido como “Eduardinho”. O caso resultou na prisão de duas pessoas. Outras duas, também envolvidas na ação, foram liberadas.

No sábado, também houve a detenção de quatro pessoas por distribuição de rancho na comunidade João Paulo II, na Zona Norte de Manaus. Os suspeitos estavam em um carro oficial, que a corporação não informou a que pessoa pública ou partido pertencia. A PF chegou a tempo de flagrar a última entrega de alimentos.

Ao serem questionados, os responsáveis disseram que trabalhavam para uma instituição de caridade e que o procedimento era rotineiro. Como não conseguiram provar a existência da tal instituição, o caso foi configurado como corrupção eleitoral. Os envolvidos pagaram fiança e foram liberados.

Pela manhã, duas pessoas foram detidas com cerca de 200 bilhetes de embarcação em Itacoatiara, a 176 km de Manaus. Através de denúncia, os policiais descobriram que vários populares no município estavam viajando usando os tais bilhetes. Diferente do caso das motos, os responsáveis não têm direito a fiança.

Caso de “Osama Bin Laden”, nomeeleitoral do candidato a deputado estadual Manuel Nunes de Assis, de 46 anos,filiado ao Partido Trabalhista Nacional (PTN). Ele foi preso no início da tardedeste domingo (5) fazendo boca de urna na escola Professor José BernardinoLindoso, conhecida como “Quarentão”, na Cidade Nova, bairro da Zona Norte deManaus. Boca de urna é como éconhecida a tentativa de influenciar o voto do eleitor no momento do pleito. Aoser detido pela PF, ele alegou que estava apenas vendendo água aos passantes. APF anunciou uma coletiva para falar sobre o caso.

Outra postulante à AssembleiaLegislativa, Pastora Luciana (PP), foi detida pelo mesmo crime no Colégio OsmarPedrosa, próximo à Bola do 23, também na Cidade Nova.

<!-- /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi; mso-fareast-language:EN-US;}-->

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.