Domingo, 20 de Outubro de 2019
Notícias

Começa hoje a VII FIAM, com várias novidades

Maior evento de negócios do estado atrai investidores do mundo inteiro; Feira vai até o sábado (30)



1.jpg Pavilhões da feira inauguram às 15h
27/11/2013 às 10:03

Com a perspectiva de movimentar até R$ 24 milhões durante a Rodada de Negócios das micro e pequenas, abrem hoje, às 15h, os pavilhões da VII Feira Internacional da Amazônia, no Studio 5 Centro de Convenções. O evento, que está cheio de novidades, terá pela primeira vez o Design como um de seus eixos de. A bertura oficial da VII está prevista para ocorrer às 17h.

Na sexta-feira, a partir das 14h, entre os oito temas da Jornada de Seminários do evento, haverá “Design como ferramenta para o incremento de negócios na Zona Franca de Manaus (ZFM)”. O objetivo do seminário é mostrar como a utilização do design pode ajudar a alavancar as vendas, reduzir os gastos e agregar valor aos negócios desenvolvidos na Zona Franca.



A expectativa da Suframa é que, a partir do seminário, surjam os gargalos que impedem as empresas de criar no PIM e também sejam apontadas opções para fomentar o setor.

O seminário “Design como ferramenta para o incremento de negócios na Zona Franca de Manaus (ZFM)” é organizado pela Suframa com apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), da Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi) e do Instituto Didesign.

Uma parcela expressiva das empresas do PIM montaram stands na VII e trouxeram seus executivos para o evento. Algumas delas colocarão em exposição aquilo que produzem, enquanto outras estão propondo algo mais, ou seja, anunciar investimentos nas unidades que possuem na ZFM.

Entidades como o Senac-AM e órgãos como a Secretaria do Estado do Planejamento (Seplan-AM) também estarão na VII FIAM.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.