Publicidade
Cotidiano
Notícias

Começa temporada de matrículas na rede pública do AM

Seduc e Semed integraram sistemas e abriram o período para reserva de vagas; ação foi antecipada por causa do calendário da Copa 23/11/2013 às 10:14
Show 1
Irlanda Araújo disse que foram abertas 99,3 mil vagas só na rede estadual de ensino
Jéssica Vasconcelos Manaus, AM

Ano de Copa do Mundo, 2014 terá um calendário escolar diferente para os estudantes amazonenses, isso por que durante a primeira fase do torneio de 12 a 25 de junho a cidade terá apenas cinco dias úteis, pois nos dias de jogos da Seleção Brasileira e jogos em Manaus será decretado ponto facultativo. Para antecipar a busca de vagas nas escolas as Secretaria Municipal (Semed) e Estadual de Educação (Seduc) iniciaram o período de matrículas.

Os novos alunos das redes de ensino estadual e municipal que quiserem reservar sua vaga para o ano letivo de 2014, que iniciará no dia 5 de fevereiro, podem entrar no site www.matriculas.am.gov.br e fazer o cadastro.

Segundo a gerente de matrículas, Irlanda Araújo, o site está funcionando e disponível para o cadastro de novos alunos. De acordo com ela, a partir desse ano a Semed e a Seduc trabalharão com o Sistema Integrado de Gestão Educacional do Amazonas (Sigeam) . Esse sistema integra as duas redes para que o atendimento seja todo informatizada. “É um grande avanço para a população que vai dispor de atendimento tanto nas escolas estaduais quanto nas municipais”, declarou Irlanda. Somadas, as duas redes irão oferecer 11.521 novas vagas no ensino público em 2014.

Segundo Irlanda Araújo a estimativa para 2014 na rede estadual de educação é disponibilizar 99.338 vagas, dessas 4.800 para novo alunos . Para capital serão ofertadas 53.031 vagas e no interior 46.307.

Na rede municipal serão oferecidos 50.457 vagas, sendo 6.721 nas 14 novas escolas com previsão para serem inauguradas em 2014.

A estimativa para rede estadual é de crescimento de 1,2% enquanto na rede municipal o crescimento no número de matrículas realizadas deve ser 2,2%.

Prevenção
Para atender a demanda da população a rede estadual vai trabalhar com 571 escolas, tanto em Manaus como no interior.

Segundo o Secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares, a integração entre as duas secretarias é um avanço importante no processo de matrícula, isso por que, de acordo com ele, pela primeira vez todo o processo irá terminar na primeira quinzena de janeiro o que vai permitir que outras questões sejam resolvidas antes do inicio do ano letivo. São questões como, por exemplo, o remanejamento de professores para as áreas que mais precisam.

Publicidade
Publicidade