Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019
Notícias

Comissão da Verdade não conseguiu localizar corpo de militante amazonense

Thomazinho desapareceu no dia 7 de maio de 1974 no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, quando ia viajar para São Paulo



1.jpg Thomazinho desapareceu em 1974 no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, antes de embarcar para São Paulo
10/12/2014 às 17:19

A Comissão Nacional da Verdade (CNV) não conseguiu localizar o corpo do militante de esquerda Thomaz Antônio da Silva Meireles, o “Thomazinho”, o único amazonense incluído na lista oficial dos desaparecidos na ditadura militar, mas descreveu toda a história cujo desfecho foi o desaparecimento dele no Rio de Janeiro.

Parintinense, filho de Maria e Togo Meireles, irmão do ex-deputado federal Ubaldino Meireles e marido da jornalista Miriam Malina, com longa atuação na imprensa de Manaus e com quem teve os filhos Larissa e Togo; Thomazinho desapareceu no dia 7 de maio de 1974 no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, quando ia viajar para São Paulo.



Ao final do relatório, a CNV manteve o status de desaparecido político do parintinense Thomaz Meireles, mas lista a cadeia militar de comando que foi responsável pelo desaparecimento dele em 1974 e pede a responsabilização criminal de todos eles.

*Mais detalhes do caso na edição desta quinta-feira (11) do jornal A CRÍTICA. 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.