Sexta-feira, 24 de Maio de 2019
TRANSPARÊNCIA

Compliance: ZetraSoft destaca importância de prevenir irregularidades em empresas

Em entrevista, diretor da ZetraSoft, empresa referência em segurança da informação, fala sobre a busca pela certificação ISO 37001, de Compliance e Antissuborno



desimoni_F5482010-9350-4EE7-88B0-2F7C9D39B199.JPG
Samy Moustapha, diretor de Governança, Risco e Compliance da Zetra (Foto: Marcos Desimoni)
02/04/2019 às 19:27

Fintech voltada para a promoção do bem-estar de trabalhadores de todo o Brasil, a Zetrasoft se posiciona sempre um passo à frente. E com as práticas de Compliance não é diferente. Antes mesmo da Lei Anticorrupção (Lei 12.846/2013), a empresa já adotava normas e fiscalizações que visavam garantir a transparência em todos seus processos.

Na entrevista a seguir, Samy Moustapha, diretor de Governança, Risco e Compliance da Zetra, reforça que investir em tais medidas dá à empresa um diferencial competitivo muito importante no segmento em que atua. Hoje, a Zetra que já possui a certificação internacional ISO 27001, que demonstra seu comprometimento e zelo em garantir a segurança das informações que processa, tanto dos servidores e empregados de empresas públicas quanto privadas no eConsig – plataforma digital para gestão de consignados.  Agora, a empresa, que também possui a ISO 9001, já trabalha para conquistar outra certificação ISO, a 37001, norma que define requisitos para sistemas de Compliance e Antissuborno.

“Nós estamos no caminho certo. Posso afirmar que somente as empresas totalmente comprometidas com a ética, a transparência e a idoneidade é que conseguirão a certificação ISO-37001, e a Zetra está muito confiante, pois nossa empresa passou por auditoria recentemente, ocasião em que foi verificado que nosso Programa de Integridade está em conformidade com os parâmetros definidos pelo Decreto 8.420/15, que regulamenta a Lei Anticorrupção e que também estamos no caminho correto para conseguirmos a certificação”, revela Moustapha.

O que é Compliance e por que a Zetrasoft é pioneira?

Compliance é estar em dia com as leis e regulamentações e prevenir qualquer tipo de irregularidades e desvios de conduta. Este conceito está em evidência porque o Brasil ficou mais exigente com as práticas que garantem a transparência, o que é muito bom para o segmento de administração de margem consignável. Na Zetra, sempre tivemos a ética em nosso DNA, e tais ações são tão importantes que a empresa investiu em uma estrutura formal de Compliance há cerca de dois anos, com diversas iniciativas que zelam pela condução de seus negócios com ética, transparência e idoneidade, em consideração aos nossos clientes e parceiros. Pouquíssimas fintechs brasileiras estão tão avançadas nesse quesito como nós.

Quais foram as práticas adotadas?

Foram várias, entre elas, atualizamos nosso Código de Conduta e Ética; criamos um Código para Fornecedores, porque somos corresponsáveis pela atuação das nossas parceiras; criamos um canal para denúncias internas e externas; temos um Comitê de Compliance, adotamos DueDiligence; aprimoramos o nosso processo de compras,  criamos procedimentos para os casos de patrocínios, publicidades e doações, entre outras ações. A nossa plataforma de gestão interna permite que todas as áreas estejam integradas e adotem as práticas de Compliance, atuando de forma transparente. Tudo é monitorado visando prevenir riscos.

A Zetra está em busca da certificação ISO 37001?

Fomos os pioneiros no nosso segmento a obter a certificação ISO-27001. Com isso, demonstramos nosso compromisso em garantir a segurança da informação em nossos sistemas e processos. Além disso, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), Lei 13.709/2018, entrará em vigor no ano que vem, mas nós já saímos na frente, pois todos os processos já adotados pela Zetra garantem que estaremos 100% em conformidade com a lei antes dela entrar em vigor.

Para 2019, nosso investimento é numa certificação inédita no nosso segmento de mercado, a ISO 37001, que trata de Sistemas de Compliance Antissuborno. Também estamos na frente para conquistá-la.

Por que poucas empresas estão atrás dessa certificação?

Porque a ISO 37001, é mais abrangente, toda a empresa está envolvida. Não é fácil atender seus requisitos, e nós estamos no caminho certo. Posso afirmar que somente as empresas totalmente comprometidas com a conformidade é que conseguirão a certificação de antissuborno, e a Zetra está muito confiante, pois nossa empresa passou por auditoria recentemente, ocasião em que foi verificado que nosso Programa de Integridade está em conformidade com os parâmetros definidos pelo Decreto 8.420/15, que regulamenta a Lei Anticorrupção e que o Sistema de Gestão de Compliance e Antissuborno que implementamos está em consonância com a norma ISO-37001.

A Zetra considera todas essas certificações e adequações às leis um diferencial?

Sim, são um diferencial competitivo e comercial importante. Nossa experiência comprova que ter uma empresa que, comprovadamente, segue rígidos requisitos de segurança da informação e qualidade é fundamental, afinal, trabalhamos com os dados de mais de quatro milhões de pessoas em nossa base. As certificações atestam que seguimos os parâmetros e processos exigidos por lei e normas, e com elas, temos mais credibilidade. No segmento de gestão de consignados fomos pioneiros na conquista das certificações ISO-27001 e ISO-9001.

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.