Publicidade
Cotidiano
CERTAME

Concurso para Corpo de Bombeiros, PM e PC do Amazonas será lançado somente em 2019

Líder do governo cobra aprovação, mas concurso só pode ser realizado ano que vem devido ao período eleitoral vigente 10/07/2018 às 19:10 - Atualizado em 10/07/2018 às 19:13
Show pm
Foto: Reprodução/Internet
Rebeca Almeida Manaus (AM)

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), deputado Dermilson Chagas (PP), afirmou que entrará nesta quarta-feira (11) com requerimento junto à mesa diretora da Assembleia para que a regulamentação do concurso de segurança pública seja votada. Se aprovado, o certame será realizado apenas em 2019 devido ao período eleitoral vigente desde 7 de julho, o qual impossibilita novos protocolos por parte do governo. 

“Infelizmente estamos num processo eleitoral, que nós temos que esperar passar, mas a vantagem disso é que vai sair incluso esse processo aprovado e, no próximo ano, será feito o concurso, assim, serão chamados todos aqueles que forem aprovados”, disse o deputado.

Com  previsão de  1,4 mil vagas destinadas para ampliação do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar e Civil, este quantitativo foi divulgado no Diário Oficial do Estado do dia 15 de maio. Entretanto, o projeto do concurso foi enviado apenas hoje pelo governador Amazonino Mendes (PDT).

O deputado Dermilson Chagas enfatizou que a votação para  aprovação do projeto deve ser realizada ainda esta semana antes do recesso parlamentar. “Vamos colocar na pauta e votar, o que eu tenho certeza que vai ser aprovado por unanimidade. Todo mundo quer a realização do concurso. A polícia militar precisa de mais gente, acredito que não vamos ter dificuldades”, disse, cobrando “boa vontade” do  presidente da Assembleia, David Almeida (PSB).

O deputado enfatiza que esta é uma medida condizente com as políticas adotadas pelo governador. “A segurança é o carro-chefe de todos os processos do nosso Estado e está dentro da pauta do governador. Ele comprou viaturas e agora ele está chamando um concurso para preencher as vagas que estão abertas neste setor”, disse.

Além disso, Dermilson afirma que a segurança pública é uma das principais demandas  da população. E que, com a aprovação do concurso, mais pessoas capacitadas passarão a atuar em benefício de todos. 

Apesar da realização no próximo ano, a proposta autoriza ao Poder Executivo abrir crédito adicional no valor de R$ 1,1 milhão dentro do orçamento de 2018 da Secretária de Segurança Pública do Estado (SSP).

Publicidade
Publicidade