Publicidade
Cotidiano
Notícias

Concursos públicos: mais de 17,5 mil vagas para o AM

Ainda neste semestre, cinco grandes concursos devem ter seus editais lançados. Só os Correios devem abrir 9 mil vagas 11/02/2015 às 07:49
Show 1
Professores de cursinhos e concurseiros experientes recomendam persistência e regularidade nos estudos como indispensáveis para conquistar a vaga
priscila rosas ---

Quem procura pela estabilidade que o serviço público oferece terá muitas oportunidade em 2015. Há dez concursos públicos com vagas para o Amazonas em andamento, com 288 vagas, sendo que quatro ainda estão com inscrições abertas (confira no quadro). Outras 17,5 mil vagas estão previstas em concursos de âmbito local e federal, já autorizados, mas que aguardam a publicação dos editais.

Ainda em fevereiro, o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) vai lançar editais para seis concursos com 130 vagas (veja detalhes na página ao lado). Quem também deverá lançar edital será a Receita Federal do Brasil, para nível médio e superior, com salários que devem variar de R$ 9.171,88 a R$ 15.338,44. O Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS) prevê mais de 4.700 vagas, para níveis médio e superior, com salários que variam de R$ 4.400,87 a R$ 10.056,80.

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) também está com o edital previsto para este ano. É esperada a abertura de nove mil vagas para cargos de nível médio e técnico com salários ainda não divulgados. A Policia Rodoviária Federal vai oferecer 1.500 vagas para a função de policial, com salário de R$ 6.791,25.

Nesta quarta-feira (11), a Marinha do Brasil abriu inscrições com 2.200 vagas para aprendizes marinheiros, cargo que exige apenas o Ensino Fundamental completo. Uma vez aprovados no curso de formação, os aprendizes terão remuneração de R$ 1,5 mil, além de uma série de benefícios.

Cursinhos

Com tantas oportunidades, os concurseiros já começaram a se mobilizar para garantir a aprovação. “2015 começou de maneira excelente com todas as salas ocupadas”, explica Gabriel Tonciano, gerente administrativo do Cepaj concursos, um curso preparatório voltado para esses processos seletivos. O motivo da alta procura são os concursos da Manaus Previdência (Manausprev) e do Banco do Brasil.

Além das aulas durante a semana, o curso oferece módulos aos finais de semana para reforçar o aprendizado. O gerente explica que os alunos preferem os cargos de nível médio.

Os cargos oferecidos para nível superior dependem da área e do edital publicado. Segundo Tonciano, Manaus não possui a preparação específica. Então, é preciso estudar as diferenciações voltadas para o cargo específico. A leitura do edital também é importante. Nele, estão contidos, tópicos imprescindíveis para o candidato, tais como conteúdo programático e o calendário do certame. “O candidato tem que ler o edital para ver se tem progressão ou não”, ressalta Gabriel Tonciano. De acordo com ele, nem todos os concursos públicos possuem oportunidades de crescimento. Isso depende do regimento interno do órgão.

Publicidade
Publicidade