Segunda-feira, 17 de Junho de 2019
ECONOMIA

Confiança do empresário da indústria fica estável de junho para julho

De junho para julho, houve aumento da confiança em 11 segmentos dos 19 pesquisados. Oito tiveram queda



industria.jpg Foto: Agência Brasil
27/07/2018 às 09:49

O Índice de Confiança da Indústria, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), ficou estável na passagem de junho e julho deste ano. O indicador manteve-se em 100,1 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos.

De junho para julho, houve aumento da confiança em 11 segmentos dos 19 pesquisados. Oito tiveram queda. O Índice da Situação Atual, que mede a confiança do empresário da indústria no momento presente, avançou 3,9 pontos e chegou a 99 pontos.

De acordo com a FGV, a normalização dos estoques depois da greve dos caminhoneiros, ocorrida no final de maio, foi o principal motivo da alta do Índice da Situação Atual.

O Índice de Expectativas, que mede a confiança dos empresários em relação aos próximos meses, recuou 3,9 pontos e passou para 101,1 pontos. O principal motivo para a queda foi o recuo da expectativa em relação à evolução do pessoal ocupado.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada recuou 0,5 ponto percentual de junho para julho e passou para 75,7%.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.