Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
Notícias

Congresso terá 30 dias para analisar novos vetos presidenciais

A sessão do Congresso Nacional que aprovou as mudanças foi conduzida pelo senador Romero Jucá (PMDB-RR)



1.gif A expectativa dos parlamentares com a medida aprovada é evitar a acumulação de vetos que aguardam
11/07/2013 às 13:27

O Congresso Nacional aprovou mudanças nas regras para análise dos vetos da Presidência da República a projetos aprovados pelo Legislativo, publicados a partir de 1º de julho. A principal alteração, de acordo com o texto aprovado é que os parlamentares terão 30 dias para analisar e votar os vetos presidenciais, do contrário, a pauta do Congresso ficará "trancada" (sobrestada).

A sessão do Congresso Nacional que aprovou as mudanças foi conduzida pelo senador Romero Jucá (PMDB-RR). Ele teve de negociar com o líder do PMDB na Câmara, Eduardo Cunha (RJ), que inicialmente protestou contra as alterações feitas no texto do projeto de resolução pelo Senado.

A expectativa dos parlamentares com a medida aprovada é evitar a acumulação de vetos que aguardam. Atualmente, há cerca de 1.700 vetos pendentes de votação. Na semana passada, foram considerados "prejudicados" 1.478 vetos presidenciais, o que eliminou quase metade dos cerca de 3 mil vetos que estavam à espera do exame dos parlamentares.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.