Publicidade
Cotidiano
DIA DO CLIENTE

'Estudar o perfil do cliente determina um atendimento eficaz', aponta especialista

No dia do cliente, celebrado em 15 de setembro, o consultor de atendimento Erick Araújo, aponta quais aspectos precisam ser aperfeiçoados na relação cliente versus atendente, principalmente na cidade de Manaus 15/09/2016 às 22:16 - Atualizado em 16/09/2016 às 16:35
Show hum aa823
Para o consultor de atendimento Erick Araújo, a capital amazonense ainda carece dessa capacitação. (Fotos: Aguilar Abecassis)
Mayrlla Motta Manaus (AM)

Já dizia o ditado: "o cliente é a alma do negócio". O consumidor que é bem atendido em determinado local, com certeza ficará satisfeito e tem grandes chances de retornar ao estabelecimento. A estudante de biomedicina, Nathália Motta, 18, é exemplo disso. Segundo ela, receber um atendimento respeitoso determina os próximos passos da relação dela com o estabelecimento escolhido.

Para o consultor de atendimento Erick Araújo, para que essa relação seja satisfatória é preciso que a empresa invista em estudos sobre o comportamento humano, o que inclui os gostos, hábitos e preferências de cada consumidor.

O educador corporativo, formado em Administração de Empresas com especialização em Recursos Humanos pelo Ciesa, destaca que existem alguns perfis comportamentais, na qual as empresas precisam estar atentas.

 "Existem os clientes que tem um perfil mais comunicativo e animado, mas também  existem aqueles mais introspectivos, ou seja, de poucas palavras. E por fim aqueles mais rígidos que dão valor à normas, regras e técnicas", avalia.

Atendimento de excelência

De acordo com ele, a partir do momento que o atendente sabe diagnosticar o perfil de cliente que ele está servindo atrás do balcão, "fica muito fácil desenvolver um método de atendimento eficaz e até mais assertivo", acrescenta o analista comportamental pela metodologia DISC.

Na opinião do consultor, o fato de Manaus ter um povo 'caloroso'  facilita a cidade oferecer atendimento de excelência. "No entanto, ainda falta investir um pouco, na questão cultural, no conhecimento dos estudos detalhados de gostos e conhecimento dos clientes", enfatiza.

E qual é o dever do cliente? "Antes de mais nada, precisamos entender com qual tipo de empresa estamos nos relacionando e fazendo negócios. Fica complicado só responsabilizar o atendente pelos erros e ocorrências de mal atendimento", opina Erick, acrescentando que muitas das vezes, o atendente tem até boa vontade de prestar um atendimento adequado, mas o que lhe falta é a capacitação correta. 

A Clínica médica e laboratorial Medical Norte é uma das empresas que preza pela capacitação dos colaboradores, no que tange a área de conhecimento do comportamento de cada cliente, a fim de melhorar o atendimento e obter bons resultados. 

Publicidade
Publicidade