Sábado, 17 de Agosto de 2019
Notícias

Convênio garantirá a Manaus R$ 200 milhões

Prefeitura de Manaus e Governo do Estado assinarão contrato que viabiliza tomada de empréstimo na Caixa Econômica



1.jpg O sistema de trânsito rápido de autocarros trafega em canaletas específicas como Expresso implantado na gestão do então prefeito Alfredo Nascimento
06/08/2013 às 08:46

Até sexta-feira, o Governo do Estado assina com a Prefeitura de Manaus o convênio que garantirá ao município o acesso aos R$ 200 milhões para executar a obra do BRT (Bus Transit Rapid). A informação é do prefeito em exercício da cidade e titular da secretaria municipal de Infraestrutura (Seminf), Hissa Abrahão (PPS).

No convênio, o Governo do Amazonas se compromete em emprestar o dinheiro junto à Caixa Econômica Federal (Caixa), e repassar à prefeitura. Assim, o Estado será o fiador e o município o executor do BRT. “O documento me dá a autonomia, a possibilidade de continuar o projeto. Se for assinado, inicio o projeto. Se não é assinado, eu paro”, disse Hissa, ontem.

Promessa que acabou não se concretizando como legado da Copa do Mundo, o sistema BRT é uma tecnologia que utiliza veículos sobre rodas (ônibus articulados ou bi-articulados), com o controle operacional baseado na estrutura metroviária. O projeto prevê a construção de 22 quilômetros de anel viário que interligará a Zona Leste com o Centro de Manaus.

O principal ponto do entrave para a assinatura do convênio é que o documento também estabelece como o Estado e município irão operar de forma integrada BRT e o monotrilho, projeto que o governador Omar Aziz (PSD) não tem convicção de que serve para Manaus.

Em setembro de 2009, o monotrilho foi apresentado pelo antecessor de Omar Aziz, o ex-governador e hoje senador Eduardo Braga (PMDB) como proposta do Governo do Estado para melhorar a mobilidade urbana e Manaus. Orçado em R$ 1,4 bilhão, o projeto não saiu do papel.

Segundo o prefeito de Manaus, em exercício, o convênio seria assinado pelo governador Omar Aziz e o prefeito Artur Neto (PSDB) no final de semana, mas a redação do documento precisou ser corrigida. “Com a captação de recursos, nós ficamos responsáveis pela construção do BRT, e o governo se compromete pela construção, ou não, do monotrilho”, disse Hissa Abrahão.

Integração

Se construído, o monotrilho terá 20 quilômetros de extensão, ligando a Zona Norte ao Centro de Manaus. Atualmente, o governo realiza o trabalho de prospecção e mapeamento do solo no traçado da obra.

Tanto o monotrilho quanto o BRT estavam no PAC da Copa. Como nenhum projeto vai ficar pronto até o Mundial, o Governo Federal transferiu as duas obras para o PAC das Cidades.

Diálogo nas desapropriações

O prefeito em exercício Hissa Abrahão disse, ontem, que quando for emitida a ordem de serviço para o início das obras do BRT, a Prefeitura de Manaus entrará em contato com os donos de imóveis no trajeto da obra, para tratar das desapropriações.

“Vai ter diálogo, conversa. Calculando indenizações, colocando opções. Se quer moradia, se quer ser indenização. Daremos opções e tudo vai ser feito com muito cuidado”, disse Hissa Abrahão.

Na semana passada, após auditoria em Manaus, técnicos da Secretaria-Geral de Controle Interno da Presidência da República levaram na bagagem a reclamação feita por organizações da sociedade civil de que falta informação sobre as obras do BRT.

“Os moradores estão com receio, ao certo, porque nós não tínhamos uma assinatura do prefeito com o governador. Agora, os dois sinalizaram que vão assinar, e tudo vai ser concluído. Eles vão ter todas as informações necessárias”, afirmou o prefeito em exercício.

Legados da Copa

Tanto o Governo do Estado quanto a Prefeitura de Manaus defendem que, mesmo não sendo implantados até a Copa de 2014, monotrilho e o BRT (Bus Transit Rapid) podem, sim, ser considerados legados que o evento vai deixar para a cidade. O argumento é que as obras saíram da agenda da Copa, mas não da agenda do Governo Federal, que garantiu recursos para os dois projetos saírem do papel até 2016.


Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.