Publicidade
Cotidiano
Notícias

Deputado do AM comete agressão verbal e física em aeroporto

Durante embarque no aeroporto Eduardo Gomes Ricardo Nicolau agrediu o publicitário Mário Júnior 21/05/2013 às 08:49
Show 1
O publicitário Mário Júnior foi vítima de agressões praticadas pelo deputado Ricardo Nicolau (PSD)
a crítica Manaus (AM)

Na tarde desta segunda-feira (20), por volta das 15h30, quando preparava-se para embarcar para a cidade de São Paulo, o publicitário Mário Júnior, casado com a vice-presidente da Rede Calderaro de Comunicação, Cristina Calderaro, foi vítima de agressões verbais e físicas praticadas pelo deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD), e por seguranças do parlamentar.

Após as agressões, Nicolau embarcou em voo da TAM. Mário Júnior, que seguiria no mesmo voo, desistiu da viagem e registrou Boletim de Ocorrência na polícia. Ele informou que vai levar o caso ao conhecimento da Procuradoria-Geral de Justiça.

Mário Júnior relata que chegou ao aeroporto internacional Eduardo Gomes às 15h15, uma hora antes da saída da aeronave. No check-in, avistou o deputado Ricardo Nicolau e seu irmão, o empresário Luiz Alberto Nicolau, que disse, diante da fisionomia séria de Mário Júnior: “Que cara feia é essa?”.

O publicitário conta que fingiu não ter ouvido a provocação e continuou com  procedimento de check-in. Ao se dirigir para a área de embarque percebeu que Ricardo, Luiz Alberto e dois seguranças estavam parados na área logo antes da inspeção de bagagem. Ao se aproximar, na presença de diversas testemunhas, Ricardo Nicolau, “em tom de chacota”, deu início a uma série de provocações.

“Ele fazia gestos. Dizia, com palavrões, que ia me ferrar. Como ele estava acompanhado de dois seguranças e mais uma pessoa, decidi não ficar de costas. Tive medo de que me atingissem por trás, já que o deputado tem um histórico de destempero”, comentou Mário Júnior.

Vias de fato

O publicitário disse que, ao se virar em direção ao grupo, percebeu que Ricardo Nicolau esboçava um movimento de agressão em sua direção, por isso revidou. Ambos foram às vias de fato. “Os seguranças do aeroporto intervieram mas, mesmo assim, fui agredido”, descreveu.

O advogado Alberto Simonetti Neto informou que vai levar o caso ao conhecimento da Procuradoria-Geral de Justiça. “Houve uma agressão. É fato”, disse Alberto Simonetti Neto, que já está de posse das imagens do circuito interno do aeroporto  internacional Eduardo Gomes.

Nicolau diz em nota que vítima é ele

Em nota, o deputado estadual Ricardo Nicolau afirmou que solicitou da Infraero as imagens do circuito interno para comprovar que ele foi vítima de agressão.

“As imagens do circuito interno do aeroporto, já solicitadas da Infraero por mim, e as testemunhas presentes ao local podem comprovar o ataque do qual fui vítima, enquanto ambos aguardávamos embarque em um voo com destino à cidade de São Paulo, onde tenho compromissos agendados”, afirma o parlamentar na nota.

O parlamentar afirma que foi abordado por Mário Júnior, “que iniciou as agressões das quais, como ser humano, apenas me defendi”. “Tomarei as medidas cabíveis via Justiça quando retornar a Manaus esta semana”, informou Ricardo Nicolau.

Ação na Justiça

Após analisar as imagens do circuito interno do aeroporto internacional Eduardo Gomes, o advogado Alberto Simonetti Neto afirmou que acionará a Justiça em virtude da ameaça e da violência sofrida pelo publicitário Mário Júnior Corrêa, ontem. “Houve uma uma agressão”, disse Simonetti Neto.

Publicidade
Publicidade