Terça-feira, 03 de Agosto de 2021
VIRADÃO DA VACINAÇÃO

Deputados pressionam por viradões de vacinação em municípios do interior do AM

Parlamentares querem que a madrugada de vacinação em massa que aconteceu em Manaus, com mais de 140 mil vacinados, seja estendida para as cidades da interior



f346c533-5426-4fb1-a1da-b836de01170b_D56CFCAD-B98C-449A-AC1E-70563FACBA03.jpg Foto: Junio Matos
15/06/2021 às 14:25

Após um fim de semana de imunização de mais de 141 mil cidadãos que garantiram a primeira dose da vacina anti covid em Manaus, deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) cobraram do Governo do Amazonas que uma mesma ação seja realizada em municípios do interior do estado. 

A cobrança foi feita durante sessão plenária da ALE-AM na manhã desta terça-feira (15). O deputado estadual Carlinhos Bessa (PV), eleito por Tefé, afirmou que existem municípios interioranos com capacidade para realizar uma vacinação em massa, no entanto, Bessa apontou que os municípios mantêm vacinas em estoque sem um planejamento, impossibilitando tal ação.



“As prefeituras têm sim vacina. O que falta é planejamento e capacidade de realizar uma vacinação em massa como a de Manaus. Esse medo de não ter vacina para a segunda dose não pode existir”, disse Bessa criticando a gestão do prefeito de Tefé Nicson Marreira (PTB). 

O deputado de oposição Wilker Barreto (Podemos) afirmou que a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), que estoca as vacinas recebidas do governo federal via Plano Nacional de Imunizações (PNI) e repassa aos municípios que deve acompanhar o avanço da imunização no interior, e, se possível for, pressionar os municípios a ampliarem a imunização.

“Se eu sou a porta de entrada, quem deve ter o mapa das 61 cidades e mais capital? A FVS tem que chegar ‘ei, prefeito, por que o senhor não está vacinando? Avance na sua vacinação. Como está hoje o estoque de vacina excedente no interior? A FVS precisa ter essas informações”, questionou o oposicionista.

Até esta terça-feira (15), 1.615.817 doses de vacina foram aplicadas no Amazonas. Deste total, 918.232 apenas em Manaus, 56,8%. Segundo dados do vacinómetro covid-19 da FVS, 1.104.527 das primeiras doses aplicadas no Amazonas, 55,5% foram em Manaus, 613.761 na capital e 498.081 no interior. 

Das 511.290 segundas doses aplicadas no Amazonas, 59,5% foram administradas na capital, 304.641 em Manaus e 211.020 no interior. 

Segundo o deputado Angelus Figueira (DC), o governador Wilson Lima (PSC) deve realizar uma ação de vacinação em massa similar a realizada em Manaus no município de Manacapuru, na próxima sexta-feira. Figueira não deu mais detalhes sobre a ação.

O mutirão de vacinação promovido pela Prefeitura de Manaus, com doses repassadas pelo governo do Amazonas, teve duração de 34 horas ininterruptas, envolvendo, aproximadamente, 4,5 mil trabalhadores direta e indiretamente, tendo alcançado 141.460 pessoas, na faixa etária de 40 a 51 anos, que receberam a primeira dose da vacina AstraZeneca, da Fiocruz.

De acordo com o site da FVS, 42.096 doses de vacinas estão em estoque na fundação. Conforme PNI, é atribuição do governo federal adquirir as vacinas, os estados recebem e os municípios executam a vacinação.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.