Publicidade
Cotidiano
Notícias

Desfiles naval e aéreo marcam abertura de comemorações ao Dia do Marinheiro, na Ponta Negra

Famílias se juntaram nos mirantes do complexo turístico da Zona Oeste de Manaus para acompanhar e registrar o evento militar. Comemorações seguem ao longo da semana 07/12/2014 às 19:27
Show 1
Apesar do tempo ameaçando chuva, muitas pessoas acompanharam a festa militar na Ponta Negra
NELSON BRILHANTE Manaus (AM)

A carioca Natália Silva, de 9 anos, gostou mais de ver os navios, mas não deixou de admirar a frota de helicópteros sobrevoando o Complexo Turístico da Ponta Negra, na Zona Oeste de Manaus, na tarde deste domingo (7). Desfiles naval e aéreo, com direito a apresentação da Banda de Música dos Fuzileiros Navais, e muitas famílias registrando tudo, marcaram parte das comemorações alusivas ao Dia do Marinheiro.

O desfile teve a participação dos Navios Patrulha Fluvial “Pedro Teixeira”, “Raposo Tavares”, “Roraima” e “Amapá”, os Navios de Assistência Hospitalar  “Oswaldo Cruz” e “Carlos Chagas”, e o navio hidroceanográfico “Rio Solimões”, além de quatro aeronaves, modelo esquilo, do 3º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral.

Embora filha de militar, a pequena Natália Silva, nunca tinha visto uma exibição nos moldes da que foi apresentada ontem. De folga, o pai tenente da Marinha, Antônio Silva, presenteou a pequena. A família é do Rio de Janeiro e está em Manaus há um ano e meio. “Eu gostei mais de ver os navios passando. Os helicópteros são bonitos mas eu já tinha visto”, confessou Natália, do alto de sua sinceridade infantil.



Apesar do tempo ameaçando chuva, foi grande o número de pessoas que acompanharam a festa militar na Ponta Negra, principalmente de famílias, que disputavam espaço nos mirantes para registrar a passagem dos navios e em seguida a exibição da frota aérea. Agora à noite, foi aberta uma exposição de peças da Marinha, no Shopping Ponta Negra.

O Comandante do 9º Distrito Naval, almirante Domingos Sávio Almeida Nogueira, admitiu que ainda sente um “friozinho na barriga” ao ver uma festa como a deste domingo. “Não há como não se emocionar. Estamos mostrando que a Marinha faz mais que defender nosso território, ela presta assistência aos ribeirinhos, faz hidrografia, o ensino profissional marítimo, aspecto muito importante porque nossas estradas são os nossos rios”, lembrou o almirante.



PROGRAMAÇÃO CONTINUA

Nesta terça-feira (8), a programação da Marinha será na Sociedade Beneficente Violeta, no bairro Mauazinho, Zona Sul, de 8h às 16h, com atendimento médico e palestras sobre cuidados de higiene e saúde bucal. O Dia do Marinheiro é próximo sábado (13) dia do nascimento do almirante Tamandaré, patrono da Marinha, mas as comemorações serão concluídas sexta-feira (12), no pátio do 3º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral, no Distrito Industrial, Zona Sul, com a entrega de medalhas a autoridades civis e militares.



Publicidade
Publicidade