Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019
Notícias

Detento é morto dentro de cela na Unidade Prisional do Puraquequara em Manaus

O corpo de Bruno Evangelista Martins foi encontrado no chão da cela com sinais de espancamento. Ainda não se sabe a motivação do assassinato



1.jpg Detento é morto em sua cela no presídio do Puraquequara
18/02/2013 às 19:50

O presidiário Bruno Evangelista Martins morreu estrangulado, na tarde desta segunda-feira (18), dentro de uma cela na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), no bairro Puraquequara, na Zona Leste de Manaus. Bruno tinha 29 anos e cumpria pena desde janeiro de 2013 pelo crime de roubo.

A morte, segundo a polícia, foi um acerto de contas entre Bruno e Robert Souza dos Santos Junior, autor confesso do crime. Robert era um dos nove companheiros de cela da vítima. Após o crime, ele confessou o crime.

Por volta de 15h30 detentos da galeria informaram ao agente carcerário que havia um morto na cela dois localizada no pavilhão 3. Segundo o detento que confessou o crime, antes de entrar no presídio, os dois haviam brigado e Bruno chegou a disparar dois tiros em Robert.

À polícia, Robert disse que procurou a oportunidade ideal para eliminar seu rival dentro da cela, informou Major Bernardo, policial militar que acompanhou o caso.

Roberto Souza dos Santos Junior foi encaminhado ao 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para prestar depoimento ao delegado plantonista. Ele será reencaminhado à UPP, onde ficará confinado sozinho como punição pelo crime.

Na semana passada, policiais frustraram uma tentativa de fuga de detentos na mesma unidade prisional.


Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.