Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019
Saúde

'Dia D' de Combate ao Aedes aegypti tem programação em 42 municípios do AM

Este ano, foram notificados no Estado, 14.220 casos de Dengue, 5.889 de Zika vírus e 1.010 de febre Chikungunya, de acordo com dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS)



DENGUE033.jpg Evento tem por objetivo unir forças numa grande cruzada contra o mosquito. Foto: Márcio Silva
02/12/2016 às 08:55

A programação do “Dia D” de Combate ao Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika vírus e da febre Chikungunya, ocorrerá simultaneamente, nesta sexta-feira (2), em 42 municípios do Amazonas, incluindo a capital, onde tem a presença do vetor. Este ano, foram notificados no Estado, 14.220 casos de Dengue, 5.889 de Zika vírus e 1.010 de febre Chikungunya. Números maiores que os apresentados no mesmo período do ano passado, de acordo com a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS).

Em Manaus, haverá programação alusiva ao “Dia D” em todas as a zonas da cidade, nas unidades de saúde e nas escolas. O ponto central do evento será às 11h, no Centro de Educação em Tempo Integral (Ceti) Áurea Braga, na avenida Brasil, bairro Compensa 2, Zona Oeste. O objetivo do evento, que é realizado nacionalmente, é unir forças numa grande cruzada contra o mosquito. De acordo com a FVS, as ações continuarão nos dias seguintes com mobilização social, visita às casas e trabalho educativo para orientação à população.

​Os dados da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) mostram que na capital amazonense houve diminuição de 20,6 nos casos da dengue em 2016 na comparação com 2015. No ano passado, de janeiro a outubro, foram 1.067 casos da doença, este ano, no mesmo período, foram 847. Já os casos de febre Chikungunya, conforme a Semsa, houve detecção maior. Foram 19 casos no ano passado e 157 neste ano.

Os casos de Zika vírus, do final do ano passado até outubro deste ano, foram notificados 5.929 casos suspeitos, sendo 4.147 confirmados, outros 31 aguardam o fim da investigação epidemiológica para confirmação ou descarte. Durante este mesmo período, foram notificados 29 casos suspeitos de microcefalia em recém-nascidos, com 12 confirmações e, destas, apenas duas com relação confirmada com o zika vírus. A Semsa deve divulgar ainda esta semana um novo Informe Epidemiológico.

De acordo com o último Levantamento Rápido do Índice de Infestação do Aedes Aegypti (LIRAa) em Manaus, divulgado em setembro, houve uma diminuição de 95,4% de bairros com alta vulnerabilidade de transmissão de doenças pelo Aedes aegypti. De acordo com o resultado, a capital tem um bairro com risco de transmissão, ou seja, com locais com maior número de criadouros do mosquito, trata-se do bairro Cidade Nova, na Zona Norte.

O secretário municipal de saúde, Homero de Miranda Leão Neto, atribui os bons resultados ao trabalho permanente dos agentes de vigilância e à participação efetiva da população nas medidas de combate ao Aedes. “Este é um trabalho permanente e que só pode ser bem sucedido se contar com uma união de forças”.

Atividades
No “Dia D” haverá ainda apresentações culturais (Garis da Alegria), atividades físicas com educadores físicos e ações de saúde, como verificação de Pressão Arterial, de Glicemia, massagem e exposições. O evento é coordenado em nível local pela FVS e Semsa e envolve outros órgãos como as Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica) e a Unicef.

Alerta e risco de surto
O Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) de 2016, divulgado no último dia 25, pelo Ministério da Saúde, apontou que nove cidades encontram-se em situação de alerta e risco de surto de Dengue, Chikungunya e Zika no Amazonas. Desse total, um município está em risco e outros 20 estão em situação satisfatória.

Presença de ministro
O “Dia D” de Combate ao Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika vírus e da febre Chikungunya no Amazonas, contará com a presença do Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. Na ocasião, ele fará a entrega simbólica de veículos tipo Doblô para as ações de vigilância dos municípios de Manaus e Humaitá, que serão contemplados com um veículo cada, e dois para o Governo do Estado para fortalecer as ações da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS).

Ainda durante o “Dia D”, em Manaus, o ministro visitará a Escola Estadual de Tempo Integral Áurea Braga, na avenida Brasil, bairro Compensa, Zona Oeste, para conhecer o programa de Brigadas contra o Aedes aegypti coordenado pela Fundação de Vigilância em Saúde, que implantou em todas as instituições públicas estaduais e federais de Manaus e em 18 municípios.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.