Publicidade
Cotidiano
Dia Nacional da Saúde Bucal

Dia Nacional da Saúde Bucal é celebrado com alerta sobre saúde

A data celebra o profissional dedicado aos cuidados e saúde da boca humana, tratando desde cáries a problemas mais graves 25/10/2016 às 09:32
Show 1152669
O Dia do Cirurgião-Dentista foi escolhido nesta data porque faz referência ao dia em que foi assinado, em 1884, o Decreto nº9311, que criou os primeiros cursos de Odontologia no Brasil
Isabelle Valois Manaus (AM)

“Odontologia é ciência e arte. Quando me aprofundei nos estudos dessa ciência me apaixonei. Hoje não me vejo em outro ramo sem fazer o que amo. Se fosse necessário fazer tudo de novo, novamente a escolheria como minha profissão”, é nessa paixão que o cirurgião-dentista, Luiz Marcelo Lopes Costa, segue a 28 anos exercendo a profissão comemorada neste dia 25 de outubro. A data celebra o profissional dedicado aos cuidados e saúde da boca humana, tratando desde cáries a problemas mais graves.

Marcelo é natural de João Pessoa, mas veio transferido para Manaus em 1989 quando era oficial do Exército Brasileiro, mas decidiu largar a patente para seguir com a carreira de dentista na cidade. Aqui a paixão ganhou outro rumo, pois tem dedicado boa parte do tempo ao atendimento de pacientes autistas.

“A odontologia é muito dinâmica, pois possui várias especialidades e todas são apaixonantes. Não é uma simples profissão, pois com o avanço das tecnologias muito se tem mudando. Digo sempre que quando estou no consultório, o meu estudo é constante, a cada novo dia é um novo aprendizado”, disse o cirurgião.

Além de ser o atendimento “xodó” do cirurgião, este tem se especializado para melhorar o serviço que irá ofertar aos pacientes. “Sou especialista em cirurgia e traumatologia buco maxilo facial , implantodontista e protesista. Também trabalho com reabilitação. A odontologia de hoje é bem diferente de quando comecei. A tecnologia invadiu a odontologia e estamos mais avançados, mas pra isso o profissional que escolheu seguir carreira precisa sempre entender e compreender a novidade e pra isso não paramos de estudar. Esses são os desafios da profissão”, comentou.

A universitária do 5º período de Odontologia na Universidade Estadual do Amazonas (UEA), Maria Paula Donato, 20, contou que sempre gostou de ver os sorrisos no rosto das pessoas. Quando foi prestar vestibular, descobriu que precisava escolher algo onde pusse outras pessoas a continuarem a sorrir. “Pensei em fazer medicina, mas queria algo que um dia melhorasse o sorriso das pessoas e foi então quando escolhi seguir a odontologia. Hoje me sinto realiza”, comentou.

Valorização

O presidente do Conselho Regional de Odontologia do Amazonas (CROAM), João Franco, destaca que a comemoração do dia do Cirurgião-Dentista é muito importante também para despertar no profissional a necessidade da qualificação e do crescimento da especialidade. “O profissional precisa estar permanentemente em processo de atualização, especialmente por conta do uso de sistemas de informática, que estão presentes na rotina diária dos consultórios, e de cursos de aperfeiçoamento para aprender a usar novos instrumentais, equipamentos e protocolos técnicos de tratamentos aos pacientes”, apontou.

50 anos

Em dezembro, o Faculdade de Odontologia (FAO) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), completa 50 anos. Nesse período muitos dentista foram entregues ao mercado de trabalho. Só este ano foram mais de 1 mil profissionais. Para ex-diretora da FAO, Nikeila Conde, que há 19 anos atua na qualificação dos futuros odontólogos, acredita que o sorriso é a manifestação da Felicidade interior.

O surgimento da data

O Dia do Cirurgião-Dentista foi escolhido nesta data porque faz referência ao dia em que foi assinado, em 1884, o Decreto nº9311, que criou os primeiros cursos de Odontologia no Brasil, localizados no Rio de Janeiro e na Bahia. Posteriormente, uma portaria do Conselho Federal de Odontologia tornou a data oficial.

Publicidade
Publicidade