Publicidade
Cotidiano
INOVAÇÃO

Engenheiros utilizam tecnologia 3D para agilizar projetos de arquitetura e reduzir custos

A tecnologia permite "visitar" o cômodo ainda durante a fase do projeto possibilitando otimizar tempo e recursos 28/10/2017 às 17:43
Show evandro seixas
Os jovens engenheiros utilizam o óculos de realidade virtual para fazer projetos de arquitetura e engenharia. Foto: Evandro Seixas
Larissa Cavalcante Manaus A(M)

Já pensou poder entrar na sua casa antes dela ficar pronta? Dois jovens engenheiros, Bruno Chacon e Maria Cecília Nogueira Chacon, realizam esse sonho utilizando um óculos de realidade virtual, comum nos jogos 3D, como uma nova forma de fazer projetos de arquitetura e engenharia. A tecnologia invade o mercado tradicional da construção e permite ‘visitar’ o cômodo ainda durante a fase do projeto possibilitando otimizar tempo e recursos.

De acordo com Bruno Chacon, para fazer com que o cliente enxergue a obra pronta, a empresa utiliza a metodologia Building Information Modellling (BIM) para gerenciar todas as informações geradas na edificação. O BIM pode ser colocado em prática por meio de softwares que criam estruturas em 3D, armazenam e geram dados das fases de planejamento, gestão e execução da obra.

“Com o conjunto de softwares da tecnologia BIM, é possível construir virtualmente qualquer empreendimento com todas as informações necessárias, os materiais com as quantidades exatas a ser utilizados para se construir de fato. Assim, proporciona aliar o desenho a informação”, explicou.

A tecnologia permite visualizar o projeto desde o levantamento do terreno, passando pela terraplanagem, fundação, construção, acabamento até a pós-entrega. E para cada uma dessa etapas, pode agregar dados aos itens que a compõem. Essa riqueza de dados possibilita projetos detalhados e orçamentos precisos.

Vantagens 
Bruno ressaltou que a tecnologia permite integrar projetos de arquitetos, engenheiros e outros profissionais, promovendo a simulação e a visualização da obra como um todo. “Utilizando esse modelo construtivo é possível eliminar as incompatibilidades levando a projetos consistentes e orçamentos precisos. O software possibilita identificar e corrigir falhas ainda na etapa de planejamento levando a obras mais assertivas e reduzindo custos”, afirmou.

Valores
O engenheiro assegura que a tecnologia não onera o serviço e veio para facilitar a vida dos amazonenses. “O nosso preço é abaixo do valor que a construtora ou empresa gastaria para solucionar problemas durante a execução da obra. E ainda acaba economizando ao otimizar tempo e recursos. Para os clientes em geral, o preço é atrativo e é entregue muito mais valor aliado a tecnologia”, declarou.

Bruno salientou que o cliente recebe o projeto virtual detalhado e também a planta impressa para execução do profissional seja um mestre de obra ou engenheiro.

Saiba Mais

A tecnologia BIM chegou ao Brasil há pouco mais de dez anos e vem sendo cada vez mais utilizada por escritórios de arquitetura e engenharia tanto no país quanto no exterior. Governos como da Noruega, Alemanha, Singapura e Hong-Kong já utilizam esta tecnologia em projetos-piloto para o total gerenciamento de suas edificações. A fabricante de louças e metais sanitários Deca disponibilizou um acervo de produtos com essa tecnologia, intitulado de DecaBIM.

Publicidade
Publicidade