Publicidade
Cotidiano
Notícias

Durante visita da Fifa, clássico Rio-Nal é confirmado como primeiro jogo da Arena

Com discurso mais otimista em relação ao andamento das obras, Valcke vem como observador do processo de edificação da Arena da Amazônia, cuja obra estaria, segundo o governo do Estado, 77% completa 20/08/2013 às 19:50
Show 1
Visita da comitiva da Fifa à Arena da Amazônia, acompanhada pelo governador Omar Aziz e o vice-governador José Melo
acritica.com* Manaus (AM)

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke faz nesta terça-feira (20), em Manaus, visita à Arena da Amazônia, além de cumprir agenda social e política na cidade numa cruzada que ele realiza pelas cidades-sedes da Copa do Mundo, em companhia de comitiva da qual fazem parte os ex-jogadores e campeões mundiais pela Seleção Brasileira, Bebeto (1994) e Ronaldo Fenômeno (1994 e 2002), além do titular do Ministério do Esporte, Aldo Rebelo. Na ocasião, foi anunciada a data de inauguração da Arena: 20 de dezembro.

Durante a solenidade na Arena da Amazônia, no começo da tarde, o governador do Estado, Omar Aziz, confirmou que o jogo de estréia será entre os clubes amazonenses Rio Negro e Nacional - que completaram 100 anos em 2013 -, e que os operários e suas famílias terão prioridade para assistir o clássico do futebol amazonense, previsto para ocorrer no dia 15 de janeiro. Omar aproveitou a oportunidade e confirmou a inauguração da Arena para o dia 20 de dezembro. O vice-governador do Estado José Melo também acompanhou a comitiva.

“Se alguém ainda duvida que não vamos cumprir todos os prazos, tenha a certeza de uma coisa: no dia 20 de dezembro vamos inaugurar a Arena da Amazônia e no dia 15 de janeiro vamos ter o primeiro jogo para 10 mil pessoas. Depois, faremos um jogo para 20 mil e outro para 42 mil lugares. Vamos testar a Arena e prepará-la para, quando a Copa chegar, que tudo saia com a maior perfeição possível”, disse o governador durante coletiva de imprensa em Iranduba, que encerrou a visita da comitiva.

O ex-jogador Ronaldo Fenômeno agradeceu o carinho dos fãs amazonenses. Ele e Bebeto foram bastante assediados pelos operários durante a visita à Arena.

'Amazonas Bilíngue'

Após reunir com os visitantes na sede do Governo do Estado, na Compensa, zona oeste, ocasião em que o governador também ofereceu um almoço para Valcke e comitiva, Omar Aziz seguiu com os convidados até a Escola Estadual Senador João Bosco de Lima, em Iranduba (a 25 quilômetros de Manaus). A escola é um dos núcleos do programa Amazonas Bilíngue, por meio do qual o Governo do Amazonas está oferecendo curso de inglês para cerca de mil estudantes do Ensino Médio. O número de vagas deverá aumentar para duas mil em janeiro de 2014 e a expectativa é a de que esses estudantes atuem como voluntários durante os jogos da Copa em Manaus.

 Além de Iranduba e Manaus, estão contemplados no projeto os municípios de Manacapuru, Novo Airão, Parintins,  Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva. Com  duração de dois anos, os cursos têm como foco a capacitação dos futuros profissionais que  irão atuar no turismo e em outras atividades que exijam aprimoramento de outras línguas, a exemplo da Copa do Mundo. “A maior obra que vou deixar para o povo amazonense é promover a oportunidade que os pais de vocês não tiveram um dia. Isso aqui é uma oportunidade para que vocês possam ter um aprendizado melhor e que possam usar os conhecimentos adquiridos para que suas vidas sejam muito diferentes. Eu não falo inglês, mas a minha geração não teve a oportunidade que vocês estão tendo, então aproveitem isso”, disse o governador aos estudantes que foram saudar os visitantes.

Avanço de mais de 12%

A construção da Arena da Amazônia chegou, esta semana, a 77,82% segundo o último relatório de acompanhamento da obra. Do início de julho até agora, houve um avanço de mais de 12% nos trabalhos. “Este avanço demonstra que estamos dentro do cronograma previsto e que a Arena da Amazônia será inaugurada em dezembro deste ano, conforme programado pelo Governo do Amazonas”, afirmou o coordenador da UGP COPA, Miguel Capobiango Neto.



Todas as frentes de trabalho estão aceleradas, principalmente a de instalação da cobertura e fachada. Ao todo, serão 72 módulos em formato de "X", que formam um design próprio, inspirado num cesto de palha indígena.

Os serviços de nivelamento e montagem do piso intertravado das rampas de acesso avançam com a afixação do piso que dá acesso à avenida Constantino Nery. Outras frentes de trabalho como as perfurações nas arquibancadas para montagem das cadeiras, instalações elétricas, equipamentos e acessórios esportivos, impermeabilizações, instalações hidráulicas, sistema de ar condicionado e sistemas especiais, como detecção de alarme de incêndio também avançam dentro do cronograma planejado.

Nos camarotes (nível 1) do setor sul e leste já estão sendo colocados os porcelanatos do piso. Nos banheiros, também estão sendo feitos os acabamentos de revestimentos e pinturas.


Veja galeria de imagens da visita


*Com informações da repórter Lorenna Serrão e da Agecom


Publicidade
Publicidade