Publicidade
Cotidiano
Notícias

Economia amazonense terá a injeção de mais de R$ 270 mi, com a liberação do 13º salário

Dinheiro, que circulará na economia amazonense neste final de ano, virá do pagamento da segunda parcela do 13º 22/11/2013 às 08:59
Show 1
Lojistas esperam crescimento nas vendas de Natal e Ano Novo, e resultado maior comparado ao intervalo de 2012
Olívia de Almeida Manaus, AM

A segunda parcela do décimo terceiro vai injetar mais de R$ 270 milhões na economia local. O governo do Amazonas creditará R$ 150 milhões referente a esse benefício nos dias 28 e 29 de novembro, enquanto a Prefeitura de Manaus afirma que no dia 16 de dezembro  realizará o pagamento de R$ 41 milhões, beneficiando 30 mil funcionários, entre estatutários, temporários e comissionados. Na próxima segunda-feira, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) iniciará o depósito de R$ 82 milhões em benefícios no Amazonas.

Para o secretário Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), Ulisses Tapajós, o injeção significa mais um grande reforço para movimentar o setor varejista e de serviços da capital amazonense, que já está totalmente aquecida com a proximidade das festas de final de ano.

Segundo Edson Pará, secretário executivo do tesouro da Secretaria de Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM), aproximadamente 90 mil servidores estaduais deverão ser beneficiados. “O benefício deverá favorecer o consumidor que deseja quitar dívidas e realizar as compras de final de ano”, disse o Pará.

A responsável pelo departamento de arrecadação da Sefaz-AM, Karen Valeska Cavalcante, aponta que  o décimo deverá contribuir para o incremento na arrecadação dos cofres públicos, no entanto com menor força se comparado com o mês agosto, com a liberação da primeira parcela.

“Isso porque a primeira parcela foi maior, por não vir com os descontos. Além disso, em dezembro geralmente a arrecadação não é significativa por conta das férias coletivas na indústria”, aponta Karen.

 INSS

Já os depósitos da segunda parcela do 13º salário para os segurados da Previdência Social começam no dia 25,  juntamente com o pagamento da folha de novembro que segue até o dia 6 de dezembro.

No total, 181.805 amazonenses terão direito ao 13º salário. Serão investidos R$ 82.4 milhões nesta parcela da gratificação natalina. A folha de novembro vai pagar 273.097 de benefícios em um total de R$ 292.382.156,27. Essa diferença entre a quantidade de benefícios da folha e o número de benefícios ocorre porque nem todos os segurados têm direito a receber 13º. Por lei, os segurados que recebem benefícios assistenciais (LOAS) não têm direito ao 13º salário.

O contracheque pode ser acessado na Agência Eletrônica no site da Previdência Social ou nos terminais de autoatendimento do banco em que o segurado recebe o benefício. Haverá desconto de Imposto de Renda (IR) nesta segunda parcela.

Aposentados e pensionistas, em sua maioria, receberão 50% do valor do benefício. Haverá desconto de IR nesta parcela. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro.

Publicidade
Publicidade