Publicidade
Cotidiano
Notícias

Eletricista morre durante serviço em hotel de selva, em Iranduba

O homem foi trocar um disjuntor, quando recebeu a descarga elétrica caiu no rio e se afogou, A empresa informou que está prestando assistência à família e que continuará pagando o valor referente ao salário dele para os filhos, até que a família começe a receber seus direitos previdenciários 18/06/2015 às 18:03
Show 1
O corpo do eletricista foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) e o caso foi registrado na Delegacia de Iranduba
Kamyla Gomes ---

O eletricista Francisco Lopes de Carvalho, de 47 anos, morreu na tarde da última quarta-feira (17), após receber uma descarga elétrica enquanto realizava um serviço no Hotel Ariaú Amazon Towers, no município de Iranduba.

Conforme o delegado titular da 31° Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Iranduba, Paulo Mavignier, Francisco foi trocar um disjuntor quando recebeu a descarga elétrica. A vítima caiu no rio e se afogou.

“O próprio gerente do Hotel procurou a delegacia relatando o fato. Quando nossa equipe se deslocou até o local, encontramos o corpo do eletricista debaixo da passarela segurando um cabo de alta tensão e acionamos o Instituto Médico Legal (IML) para a remoção”, destacou.

O Hotel Ariaú informou que está dando toda assistência necessária à família do eletricista e que continuará pagando o valor referente ao salário de Francisco para os filhos, até que a família começe a receber seus direitos previdenciários.

Segundo a assessoria de imprensa do hotel, o funcionário, que já tinha trabalhado no empreendimento, havia sido readmitido em fevereiro deste ano. O velório ocorreu na manhã desta quinta-feira (18), na casa da mãe da vítima, localizada no bairro da Raiz, Zona Sul de Manaus. O homem morava em Manacapuru.

Publicidade
Publicidade