Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
AJUDA NA WEB

Empresário do AM amplia negócios e cria TV web para ajudar concurseiros

Fábio Silva é proprietário do cursinho 'Sou Concurseiro e Vou Passar' e usou a estratégia para ampliar seus negócios, o que auxilia quem não possui condições de pagar um vestibular preparatório



1498040_16F160CC-2BDE-4E89-8A8C-3D196C3710B7.jpg O empresário amazonense Fábio Silva criou, desde o início, do ano uma TV web voltada a quem estuda para concurso como estratégia para ampliar seus negócios (Foto: Divulgação)
21/07/2019 às 11:58

Estudar para concurso ficou cada vez mais fácil com o farto conteúdo na internet. Influenciadores digitais especializados, canais no YouTube com TVs online e promoções relâmpagos nas redes sociais: tudo para facilitar o caminho ao primeiro colocado na lista de aprovados.

O empresário amazonense Fábio Silva criou desde o início do ano, a partir de um insight de um canal para desenhos infantis, uma programação para 24h de conteúdo. Disponibilizar o conteúdo gratuitamente, ele diz, é o principal diferencial.



“Minha filha de três anos estava vendo um canal que retransmitia o dia todo os programas e pensei fazer isso voltado aos concurseiros. No começo, tivemos média de 20 a 50 espectadores. Hoje, já alcançamos 2 mil pessoas ao vivo”, declarou.

Silva é proprietário do cursinho Sou Concurseiro e Vou Passar e usou a estratégia para ampliar seus negócios, o que auxilia quem não possui condições de pagar um vestibular preparatório.

Questões rápidas

Disponível também para mobile, quem assiste por lá encontra uma plataforma interativa de questões feitas durante a aula ao vivo. “As coisas que digito na lousa digital aparecem automaticamente para o usuário e consigo interagir melhor com ele”, completou.

Uma programação semanal também foi feita para organizar a rotina de estudos. Nas manhãs de segunda à sexta, a partir das 10h, tem legislação com enfoque no Tribunal de Justiça do Amazonas. As segundas, às 19h, têm aula de informática e aos domingos às 9h curso para iniciantes nos concursos. O canal é acessado pelo nome da empresa, que também dispõe de e-books.

Influenciadora do bem

Para quem não tem tanto aparato digital, como a advogada e pedagoga Sabrina Lima, postar o dia a dia dos estudos no Instagram já é o suficiente para ajudar. Atualmente, ela possui 24,7 mil seguidores no site pelo @estuda.sa.estuda.

“Faço parte de um grupo que compartilha sua rotina para ajudar outras pessoas. Estudo em casa e adquiri métodos como fazer resumos, esquematizar um edital, maneiras de estudar uma lei isolada, que ajuda muito quem está começando”, contou.

Além de publicar a experiência que teve, a concurseira mantém um link para a nuvem que disponibiliza alguns materiais de estudo e cronogramas para serem adaptados de acordo com o tempo de cada pessoa ou com o conteúdo de cada disciplina.

Para facilitar o acesso cada vez mais, a empresa Gabaritar também oferece alguns módulos gratuitamente, em que o estudantes têm os primeiros ensinos de cada um, como Língua Portuguesa e Lógica.

Saiba +

Seguir pessoas nas redes nem sempre é a melhor resposta. Dependendo da pertinência do conteúdo compartilhado e no encaixe que ele tem na rotina, pode ou não ser útil. Manter um cronograma certo de horas de estudo diárias é uma das dicas mais básicas para quem está esperando um concurso. Destrinchar as matérias mais importantes primeiro também é um bom caminho.

Tabela de concursos

Concurso TJAM, inscrições até 21/08

Concurso Ufam, inscrições até 26/07

Concurso IBGE, incrições até 23/07

Concurso Marinha, inscrições até 16/08

Concurso Caixa, inscrições até 3/10

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.